Partilhar

Como melhorar a concentração

Por Nicolas Santos. Atualizado: 20 janeiro 2017
Como melhorar a concentração
Imagem: mundointerpessoal.com

Para te explicar como estimular a concentração, primeiro vou definir e destrinchar como funciona a sua memória, inteligência, capacidade de raciocínio e então, a concentração. Primeiramente eu quero que você entenda que todas estas coisas estão ligadas e são dependentes uma das outras, para ser inteligente, você precisa de uma boa memória e para esta, você precisará da concentração e por aí vai. Assim que concluir esta discussão, você mesmo poderá pensar no que prejudica e no que favorece a sua capacidade de permanecer concentrado, mas por via das dúvidas deixarei algumas dicas.

Neste artigo, umComo te explica como funciona e como melhorar a concentração.

Também lhe pode interessar: Como aumentar a memória e a concentração

Memória e armazenamento de informações

Pense no seu cérebro, nas coisas que você sabe e todas as informações que passam por ele durante o dia, existe um lugar onde elas ficam armazenadas. Pense num computador, o nosso cérebro funciona de forma muito semelhante, acredite ou não, por isso ao longo do texto irei relacioná-los muitas vezes para que você compreenda melhor o que eu vou explicar.

Assim como um computador, nós também temos locais onde as informações ficam guardadas, em alguns deles é mais fácil de acessar e em outros, mais difícil. São três as formas ou frequências em que as informações ficam armazenadas, no consciente, subconsciente e inconsciente.

Na primeira temos tudo aquilo que nós podemos acessar, quando contamos uma história por exemplo, algo que se passou com você qualquer dia desses – considerando que você lembrou de todos os detalhes.

Na segunda, no subconsciente, temos aquelas informações que nós não podemos lembrar totalmente mas ainda sim pode te influenciar numa decisão ou opinião, até num sentimento. É neste local que habita a intuição, que, separando por "pensar com o cérebro" e "pensar com o coração" estamos pensando com consciência e pensando com subconsciência, com a intuição, respectivamente.

Na terceira, o inconsciente, nós temos aquelas informações que realmente não temos acesso. Seria como acessar várias páginas no seu navegador e depois apagar o histórico, não tem como acessar novamente e é neste ponto que entra a principal diferença entre o cérebro humano e um computador, estas informações ainda estão lá e único momento em que elas "vem à tona" é num sonho, por exemplo. O Dejavú ou Dejavi é um momento de devaneio em que alguma informação que estava no inconsciente volta à nossa presença. Como quando sonhamos com algum lugar, a varanda de uma casa por exemplo e depois nos deparamos neste local que parece com que já estivemos lá – e isso também vale para situações, conversas.

A nossa memória só está relacionada com a primeira forma de armazenamento, e todas as informações que lá estão, só podem estar lá por que foram armazenadas em um momento em que estávamos conscientes, concentrados. Quando eu falo em armazenamento de informações, pense no momento em que lemos um livro ou estamos estudando algo, para lembrar daquilo, precisamos estar concentrados.

Inteligência e raciocínio

Se você veio parar nesta página é por que provavelmente está mais interessado no título do que no que eu escrevi até agora, não estou tentando ser falacioso, apenas quero que você entenda todo o processo. Agora vamos para a segunda etapa, espero que o conhecimento aqui relatado comece a ficar mais claro conforme você avança no texto.

A nossa capacidade de raciocínio está completamente limitada à nossa memória. Vou explicar porquê: O relacionamento de ideias é algo que esta presente em todo o momento que tentamos resolver um problema e isso é algo que os computadores mais avançados fazem, só que numa velocidade muito maior. Quando nos deparamos com um problema ou uma situação embaraçosa no nosso cotidiano, para resolver, usamos a nossa memória e conhecimento de causa para tomar a decisão mais inteligente possível, ou seja, a que nos causará ou causará à outras pessoas menos dano e poderá solucionar o nosso problema. Esta é uma forma de raciocínio, quando relacionamos os elementos e informações que foram guardadas em nossa memória, é claro, de forma consciente, para tomar decisões, argumentar e resolver problemas. O subconsciente também entra nessa equação, mas como a cereja do bolo, algo que complementa mas que geralmente damos menor valor.

Logo, uma pessoa inteligente é uma pessoa com uma boa memória, pois quanto mais dados ela tem para considerar ou "adicionar na equação" melhor pode ser a sua posição, independente da situação.

A concentração

Nos dois tópicos acima eu dei uma pincelada em como a inteligência é dependente da memória e como a memória é dependente da concentração – como pode ver, estou te passando os dados de forma decrescente, isso não influencia no seu entendimento mas deixa o texto menos cansativo e mais interessante. Agora vamos entender melhor a concentração:

Você sabia que o ser humano no geral, tem a mesma capacidade de concentração de um peixe Beta? Sim, de 8 segundos, em média. Mas isso muda se você estimula a sua concentração. Esse dado do peixe beta é tão verdade que é muito utilizado hoje em dia, principalmente pelo marketing, quando numa propaganda ou produto feito para vender, como a musica pop, percebemos um gancho*. Acontece muito em propagandas na Tv e nas músicas pop. Sugiro que da próxima vez que ligar o rádio procure por aquelas emissoras que só tocam as musicas "do momento" e conte de 8 em 8 segundos assim que a música começar, você irá reparar a presença do tal do gancho, daquela coisa que te faz lembrar que há uma musica tocando de fundo.

* O gancho é algo que faz com que o ouvinte ou telespectador volte a atenção para o televisor ou dispositivo de áudio. No caso da Tv pode ser uma explosão, algo caindo, um barulho mais alto e no caso das músicas a regra é a mesma, algo que chame a atenção, uma pausa ou mudança na música.

É comum nos depararmos com esse problema do devaneio quando tentamos ler um livro por exemplo, se você começa a ler e depois de um tempo se depara com o fato de que não lembra das últimas frases que leu, não se preocupe, isso é normal e afeta quase todas as pessoas.

Enfim, a nossa capacidade de concentração é reduzida, mas nós podemos estimulá-la e ao melhorar a nossa concentração só teremos benefícios na memória, inteligência e capacidade de raciocínio, o que nos leva ao próximo tópico:

Como melhorar a concentração

Como dizia Paulinho da viola, não dá pra explicar a vida num samba curto. Eu entendo muito bem o que ele dizia e da minha parte posso dizer: não dá pra explicar como melhorar a concentração num texto curto. Me perdoe leitor, pela demora, quem quiser que pense um pouco e agora, chegamos ao ponto:

  • Favorecendo a concentração

Ao realizar uma tarefa, demorada ou não, dedique-se ao máximo para manter a sua mente focada naquele assunto, principalmente se for algo no dia-a-dia. A sua mente, por não estar acostumada com a disciplina acabará, num movimento correspondente, se forçando a pensar outras coisas. Isso é normal e o começo vai ser sempre difícil, não sei se você pratica exercícios, vai à academia ou ao menos sabe como funciona o exercício de um músculo para ganhar massa ou resistência. A sua mente vai funcionar de forma parecida, você tem que forçar (mas não muito) e relaxar também, os momentos ociosos são fundamentais – já explico. Mas não precisa fazer isso com exatamente tudo o que você faz durante o dia, como eu disse, force e relaxe, pra que você pegue o costume e em breve não precise ter que se lembrar de se concentrar, apenas vai acontecer de forma natural.

  • Coisas que prejudicam a concentração

Hoje em dia nos temos um buquê de atividades inúteis, coisas que tomam o nosso tempo, tiram a nossa concentração e que não nos acrescentam nada. São as distrações. Não quero ser totalmente radical mas espero que você compreenda o meu ponto. Como eu disse, entre as coisas que favorecem a nossa concentração nós temos os momentos de reflexão, de pausa, silêncio. As distrações entram na nossa vida de forma a ocupar onde antes nós tínhamos o ócio, e ele, não é ruim e sim essencial para assentar as informações, baixar a poeira nos pensamentos. Eu falo em suma das redes sociais, quanto tempo as vezes nós perdemos descendo a time line, vendo vídeos virais ou apenas observando a vida dos nossos amigos, o que eles andam a fazer, comer, onde vão, com quem andam. Pense nisso, mais vale um momento para pensar em si mesmo do que perder todo o seu tempo livre com informações superficiais que não te acrescenta nada.

Lembre-se, seus próprios pensamentos podem ser danosos à sua saúde mental, eu sei disso por que passo muito tempo sozinho e as vezes é difícil me aguentar. Isso não atrapalha apenas a saúde mental mas a capacidade de se concentrar também, pois você deixa de pensar no que deveria pra perder tempo com outras coisas. Cabe a você a reflexão das próprias coisas que pensa, se acha que não acrescenta nada, elimine.

Se você chegou até aqui, mesmo que não tenha gostado do texto, saiba que já treinou um pouco a sua concentração, ao menos por hoje. Se tem alguma dúvida ou algo a acrescentar, não poupe caracteres nos comentários.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como melhorar a concentração, recomendamos que entre na nossa categoria de Formação.

Escrever comentário sobre Como melhorar a concentração

O que lhe pareceu o artigo?
2 comentários
A sua avaliação:
Josafá Nunes dos
Excelente matéria. Parabéns. Me esclareceu muitos pontos que buscava respostas.
lIS
Olá! Li o seu texto e gostei bastante, Ele é bem claro e específico. Porém, fiquei com uma dúvida referente à concentração. Me concentro facilmente em assuntos diversos, até mesmo nos que não tenho grande interesse, todavia, somente no silêncio. Minha concentração desaparece completamente quando há algum barulho ou outrem conversando. O que devo fazer para melhorar tal circunstância? Desde já agradeço.
Editor umComo.com.br
Oi Lis! Nesses momentos experimente colocar uns phones nos ouvidos com uma música passando, a música pode ajudar bastante a concentração e a abstrair de todos os barulhos ao seu redor. Espero que essa dica seja útil! Obrigada pelo seu comentário e continue acompanhando a nossa página :)

Como melhorar a concentração
Imagem: mundointerpessoal.com
Como melhorar a concentração

Voltar ao topo da página