menu
Partilhar

Ideias de cursos profissionalizantes

 
Por Maria Antônia Rocha. 9 março 2022
Ideias de cursos profissionalizantes

Fazer um curso profissionalizante é uma excelente opção para quem busca se inserir no mercado de trabalho de forma rápida. Por terem custos e durações menores do que uma graduação, em muitos casos eles são a escolha preferida de jovens que acabaram de sair do Ensino Médio e querem começar a trabalhar. Mas não são só os jovens que podem investir em cursos profissionalizantes para iniciar uma nova carreira: pessoas de qualquer idade podem focar nos cursos profissionalizantes com o objetivo de mudar de profissão, preencher lacunas existentes no currículo e tornar-se um profissional mais atrativo para as empresas.

Em um cenário econômico em que o desemprego passa dos 10% da população[1], se qualificar para ocupar as vagas disponíveis no mercado e ter um currículo competitivo se torna cada vez mais importante. Pensando em te ajudar a conquistar a tão sonhada vaga de emprego ou recolocação profissional, neste artigo do umCOMO, vamos te ensinar o que é um curso profissionalizante, algumas ideias de cursos profissionalizantes disponíveis no mercado e dicas gerais para escolher o curso que mais combina com você. Tudo isso você confere a seguir. Basta continuar lendo!

Também lhe pode interessar: Tudo sobre Concurseiros Unidos - O que é?

O que é um curso profissionalizante e por que fazer um

O curso profissionalizante nada mais é do que uma formação em um campo de atuação específico voltado para as pessoas que querem ingressar no mercado de trabalho no curto prazo. Um dos seus principais benefícios é que ele é muito focado na prática e tem duração e custo menores do que uma graduação. Por isso, ele pode servir como uma ótima fonte de aprendizado para colocar as mãos na massa e conquistar um primeiro emprego no mercado.

Os cursos profissionalizantes podem ser divididos entre os de longo e curto prazo. Os de longo prazo são aqueles com duração média de 1 a 2 anos, enquanto os de curta podem variar entre 8 e 160 horas de aprendizado. No caso dos cursos curtos, o foco é mais na qualificação ou requalificação profissional em um determinado assunto ou tema dentro da área de atuação profissional, enquanto os cursos mais longos fornecem uma formação mais completa.

Vamos a um exemplo prático: um curso de longa duração em Design Gráfico terá um currículo completo para oferecer todas as ferramentas necessárias para formar um profissional da área. Já um curso curto em Design será focado em habilidades específicas, como aprender a usar o Photoshop, fazer projetos no Illustrator ou diagramar livros no InDesign.

Outro benefício do curso profissionalizante é que ele pode ser usado como forma de aprender as habilidades necessárias para abrir um negócio próprio. Existem cursos para cabeleireiros, barbeiros, confeiteiros, padeiros, chefs de cozinha, entre tantos outros que podem te ajudar a conquistar a prática necessária para tirar um projeto próprio do papel.

Curso técnico X Curso profissionalizante

Você pode estar se perguntando qual é a diferença entre um curso técnico e um curso profissionalizante. Afinal, os dois promovem a capacitação profissional em uma área específica e impulsionam as pessoas que querem ingressar rápido no mercado de trabalho a conquistar uma vaga.

O curso técnico é regulamentado pelo Ministério da Educação e precisa cumprir alguns requisitos básicos, como carga horária mais longa, trabalho de conclusão de curso e estágio obrigatório. Em geral, ele é voltado para os alunos do Ensino Médio que querem obter os conhecimentos necessários para desempenhar uma profissão enquanto ainda cumprem o currículo do ensino básico. Assim, o estudante já sai do Ensino Médio capacitado para a sua atuação profissional, com conhecimento aprofundado, tanto teórico quanto prático, em uma determinada área.

Já o curso profissionalizante é caracterizado como um curso livre, isto é, que não conta com regras tão rígidas e regulamentações impostas pelo MEC. Ele também apresenta menos pré-requisitos quando comparado ao curso técnico: é possível encontrar diversos cursos profissionalizantes que não exigem formação mínima, como diploma de ensino médio, por exemplo. O curso profissionalizante pode ser feito por pessoas de qualquer idade, então é uma excelente alternativa tanto para os adultos que buscam fazer uma transição de carreira e aprender uma nova habilidade do zero quanto para quem pretende se atualizar e aprimorar conhecimentos na sua área de formação universitária através de um conteúdo prático e direto.

Ideias de cursos profissionalizantes

A seguir, listamos algumas ideias de cursos profissionalizantes para te inspirar a se matricular e conquistar seu lugar no mercado de trabalho. Confira:

  1. Informática
  2. Eletrotécnica
  3. Estética
  4. Tecnologia da Informação
  5. Contabilidade
  6. Finanças
  7. Marketing Digital
  8. Gestão de projetos
  9. Cabeleireiro
  10. Chef de cozinha
  11. Confeitaria
  12. Panificação
  13. Bartender
  14. Animação Digital
  15. Corte, costura e modelagem
  16. Produção de eventos
  17. Atendimento ao cliente
  18. Consultoria de imagem
  19. Criação de loja online
  20. Técnicas de limpeza e arrumação
  21. Ecoturismo
  22. Gestão de Banco de Dados
  23. Linguagens de programação
  24. Design Gráfico
  25. Recepção de Hotelaria
  26. Pizzaiolo
  27. Vendas
  28. Tutoria Digital
  29. Cuidador de idosos
  30. Editor de vídeo
  31. Programador web
  32. Web Designer
  33. Assistente Administrativo
  34. Tesouraria
  35. Assistente de Logística
  36. Assistente de RH (Recursos Humanos)
  37. Design de sobrancelhas
  38. Design de games
  39. Gestão de estoques
  40. Fotografia
  41. Maquiador
  42. Locutor
  43. Apresentador
  44. Operador de áudio
  45. Operador de câmera
  46. Ourives
  47. Repositor de mercadorias
  48. Preparação de salgados para festas
  49. Massagem
  50. Manicure

Entre tantos outros.

Leia também: Como organizar um curso de culinária

Dicas para escolher cursos profissionalizantes

Mais do que pensar em ideias de cursos profissionalizantes, é essencial levar alguns fatores em consideração na hora de escolher o curso em que você vai se matricular. Para te ajudar a tomar a decisão certa, confira a seguir algumas dicas que preparamos:

  • Considere a instituição em que os cursos são oferecidos. Duas das escolas mais conhecidas que oferecem cursos profissionalizantes de qualidade no Brasil são o SENAC e o SENAI. Vale entrar em contato com cada instituição para entender os horários das aulas, a grade curricular dos cursos, a metodologia de ensino e a avaliação. Assim, você pode escolher o curso que mais se adequa à sua realidade atual. Converse com pessoas que também estudaram na escola para saber mais sobre os conteúdos abordados em aula e os benefícios do curso para sua vida profissional.
  • Defina seus objetivos com o curso profissionalizante. Você quer aprender uma nova habilidade para mudar de carreira? Pretende apenas se atualizar na sua área para garantir um aumento de salário ou novas oportunidades de emprego? Quer empreender? Ou apenas encontrar uma opção de renda extra exercendo um trabalho que te traz prazer? Tudo isso deve ser considerado no momento da escolha do curso.
  • Pense se quer empreender. Muitas habilidades que podem ser aprendidas através de cursos profissionalizantes são úteis para as pessoas que querem abrir um negócio próprio. Se você sempre sonhou em abrir um restaurante ou gosta muito de trabalhar com maquiagem, por exemplo, vale considerar a possibilidade de investir em um curso que impulsione seu empreendimento.
  • Escolha o curso em uma área que você tem afinidade e habilidades compatíveis. Pense nos seus gostos, aptidões e preferências: o que você gosta de fazer que poderia se transformar em um emprego? Como se vê trabalhando no futuro? Qual é a rotina de trabalho que gostaria de ter? Em que áreas do conhecimento você tem mais facilidade? Para tirar suas dúvidas, vale conversar com profissionais que atuam na área do curso que você quer fazer para entender o dia a dia da profissão.
  • Pense nas necessidades do mercado. Pesquise sobre o mercado e entenda o que é esperado de um profissional da área. É preciso ter conhecimento em outro idioma? A informática é pré-requisito para conquistar uma vaga de trabalho? Vale considerar também outras características da profissão, como salário inicial, cargos de atuação, perspectivas de crescimento na carreira, se há oportunidades na área na sua cidade ou estado, entre outras.

Você também pode se interessar por: Qual faculdade devo fazer? Tipos, cursos e rendimento médio

Se pretende ler mais artigos parecidos a Ideias de cursos profissionalizantes, recomendamos que entre na nossa categoria de Formação.

Referências
  1. UOL. Brasil completará ao menos 10 anos com desemprego de 2 dígitos, diz mercado. Disponível em: <https://economia.uol.com.br/noticias/redacao/2022/02/17/brasil-vai-completar-10-anos-com-desemprego-de-dois-digitos-preve-mercado.htm> Acesso em: 17 de fevereiro de 2022
Bibliografia
  • SENAI PARANÁ. Entenda o que são cursos profissionalizantes. Disponível em: <https://www.senaipr.org.br/entenda-o-que-sao-cursos-profissionalizantes-2-31193-364504.shtml> Acesso em: 17 de fevereiro de 2022

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?
Ideias de cursos profissionalizantes
Ideias de cursos profissionalizantes

Voltar ao topo da página