Partilhar

Como escrever uma carta de agradecimento profissional

 
Por Giselly Cristina. 23 setembro 2019
Como escrever uma carta de agradecimento profissional

O mundo profissional, como você bem sabe, conta com diretrizes de educação e cortesia que devem ser consideradas em determinadas situações. De fato, é mais comum do que você pensa escrever uma carta de agradecimento profissional pela oportunidade e enviá-la, por exemplo, depois de ter realizado uma entrevista de emprego.

É um gesto simples, mas que, sem dúvida, pode te ajudar a conseguir o emprego que você deseja, pois nem todos os candidatos vão enviar uma, seja porque acham que não tem chance de realmente conseguir a vaga, ou porque acreditam que não é necessário enviar uma carta, ou porque não estão mais interessados no cargo, entre outros motivos.

Numa situação dessas, é altamente recomendável enviar uma carta de agradecimento, não apenas por educação, mas para evitar que certas portas se fechem no futuro. É claro, não vale a pena enviar uma carta qualquer. É importante escrever bem e parar para pensar nas informações que serão incluídas na carta para que seja eficaz. Neste post do umCOMO, vamos te explicar como escrever uma carta de agradecimento profissional pela oportunidade, seguindo algumas dicas fáceis.

Quando escrever uma carta de agradecimento profissional

Normalmente, ao escrever uma carta de agradecimento profissional, o objetivo é agradecer ou demonstrar apreciação pela atenção prestada pela empresa ou por um determinado departamento no processo de seleção para uma vaga.

No entanto, os motivos também podem ser outros, uma vez que é um sistema que também é usado, por exemplo, quando se abandona uma empresa para iniciar uma nova empreitada profissional ou para agradecer uma recomendação profissional. Seja qual for o motivo, a coisa mais importante antes de escrever é definir o objetivo que você está buscando com essa carta. Isso é fundamental porque, no caso de um processo de seleção para uma vaga, é uma maneira de se diferenciar, destacar sua motivação e as habilidades que possui para o emprego ou reforçar o possível vínculo que foi estabelecido com o recrutador durante a entrevista

Depois deste primeiro passo, é hora de pensar no conteúdo da carta de agradecimento profissional, sua estrutura e sua extensão.

Carta de agradecimento profissional

A parte mais importante de qualquer carta de agradecimento profissional é o conteúdo, que é sempre incluído nos parágrafos localizados no centro da folha. Mas o que deve ser incluído nesta seção? Tudo depende do objetivo que você definiu e das razões pelas quais você está enviando esse tipo de carta. De qualquer forma, a título informativo, nas cartas de agradecimento profissional costuma-se incluir informações e dados sobre:

Como escrever uma carta de agradecimento profissional pela oportunidade

  • Suas habilidades e capacidades: você pode fazer alguma referência à questões da sua formação, histórico acadêmico, experiência ou habilidades pessoais que, talvez, você não tenha abordado em profundidade na entrevista. Nada além de implicar que você é o candidato ideal.
  • As questões abordadas na entrevista também devem aparecer na carta de agradecimento profissional. Obviamente, não se pode comentar sobre todas elas porque não há espaço, mas é importante referir-se especificamente àquelas pelas quais a pessoa com quem você conversou demonstrou mais interesse.
  • A motivação e o interesse pela vaga de trabalho são aspectos que devem aparecer no conteúdo da carta de agradecimento, mas não apenas do ponto de vista pessoal, também do ponto de vista externo. Você pode falar, por exemplo, sobre como realmente pode contribuir para a empresa devido a seus conhecimentos ou experiências.
  • As impressões positivas que você teve durante a entrevista também devem fazer parte do conteúdo da carta.

Porém, para escrever bem todo este conteúdo, há alguns conselhos que você não pode esquecer na hora de escrever uma carta de agradecimento:

  • Tudo o que for dito na carta deve ser verdadeiro e autêntico, e você deve escrevê-la de forma personalizada para o recrutador e para a empresa. Não use conteúdos já publicados ou genéricos.
  • É importante que você mencione algum aspecto - sempre positivo - da entrevista, que somente você e o entrevistador possam saber. Caso contrário, a carta poderia ser de qualquer outro candidato (mesmo se você colocar o nome) e não estaria associada a você.
Como escrever uma carta de agradecimento profissional - Carta de agradecimento profissional

Modelo de carta de agradecimento profissional

Ainda que o conteúdo seja a parte mais importante de uma carta de agradecimento, também é essencial dar forma a ela. Ou seja, que tenha uma estrutura adequada e que cada conteúdo e dados sejam colocados no local onde realmente devem aparecer. São regras básicas e simples que mostramos a seguir:

Como fazer uma carta de agradecimento

  • Dados do remetente: você deve sempre incluir nome e sobrenome, endereço completo com o código postal e local, telefone de contato (fixo e móvel) e e-mail. Esses dados são colocados na parte superior direita da folha.
  • Dados do destinatário: aqui você colocar os dados da pessoa com quem você fez a entrevista. Coloque seu nome e sobrenome com o tratamento adequado, sua posição, departamento dentro da empresa e o nome e endereço da empresa. Isso será escrito no canto superior esquerdo da página, mas algumas linhas abaixo dos dados do remetente.
  • Data: a carta deve sempre incluir o local de onde você está escrevendo, bem como o dia, mês e ano. A data fica abaixo dos dados do remetente, deixando umas duas linhas de espaço.
  • Saudação: sob esses dados, é hora de começar com o conteúdo da carta. Comece com uma saudação fazendo referência à pessoa que te entrevistou, levando em consideração o tratamento "você" ou "tu", de acordo com o tom da entrevista. Por exemplo, alguns modelos de saudação seriam: "Caro Sr. Garcia" ou "Caro Pablo".
  • Introdução: a seguir, você deve escrever uma breve introdução, na qual agradecerá pelo tempo dedicado à entrevista. Não se esqueça de se referir, também nesta parte, à data em que a entrevista foi realizada.
  • Núcleo: é hora de incorporar o conteúdo que trabalhamos na seção anterior; os parágrafos mais importantes da carta de agradecimento.
  • Conclusão: dedique um pequeno parágrafo ou algumas linhas a indicar que você ainda está disponível para contatos posteriores ou para fornecer mais informações ou dados.
  • Despedida: é importante sempre se despedir cordialmente e lembrar que você está esperando uma resposta.
  • Assinatura: não esqueça de assinar a carta - você deve sempre assinar à mão, mesmo que a tenha escrito a carta no computador -, além de colocar o nome e o sobrenome.

Leitura complementar: Como escrever uma carta formal

Como escrever uma carta formal sem gafes

Além do conteúdo e da estrutura correta da carta de agradecimento profissional, existem outros fatores que são fundamentais e não devem ser esquecidos:

  • Extensão: não convém passar de uma folha. Além disso, no caso do conteúdo, o ideal é que haja três parágrafos no máximo. Contando a introdução, a conclusão e a despedida, pode haver quatro ou cinco parágrafos pequenos.
  • Ortografia: revise bem a ortografia antes de enviar a carta. Não perca nenhum detalhe e também leve em consideração a pontuação (pontos, vírgulas, etc.)
  • Verbos: é sempre melhor falar no presente, embora você possa usar tempos verbais passados no parágrafo de introdução que faz referência à entrevista realizada.

Esperamos ter te ajudado a entender como escrever uma carta de agradecimento profissional. É sempre importante que você pense bem no conteúdo e que esteja seguro do que vai enviar para que a carta não acabe te prejudicando.

Leia também: Como mandar um e-mail formal solicitando algo

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como escrever uma carta de agradecimento profissional, recomendamos que entre na nossa categoria de Formação.

Escrever comentário sobre Como escrever uma carta de agradecimento profissional

O que lhe pareceu o artigo?

Como escrever uma carta de agradecimento profissional
1 de 2
Como escrever uma carta de agradecimento profissional

Voltar ao topo da página