Partilhar

Por que o mar é azul?

 
Por Sara Viega. Atualizado: 16 janeiro 2017
Por que o mar é azul?

Você já viu a água milhões de vezes e poderia garantir sem medo de errar que ela é transparente. Quando a bebe usando um copo ou uma garrafa, quando abre a torneira ou enche a banheira e inclusive quando nada do mar e pega um pouco de água com as suas mãos, o que você vê é que o líquido não tem cor. Mas então por que o mar é azul?

A verdade é que, dependendo da quantidade de água, ela pode ser transparente ou azul, com tons que variam segundo a concentração. Isso se deve ao efeito que ocorre quando as ondas electromagnéticas da luz encontram uma grande quantidade de água, produzindo um fenômeno conhecido como dispersão de Rayleigh. Quer saber mais? Continue lendo, porque neste artigo de umComo vamos explicar para você por que o mar é azul, com todos os detalhes.

Também lhe pode interessar: De onde vem a onda do mar

A cor da água e as ondas de luz

É comum se perguntar por que o mar é azul, mas muitos não reparam que as piscinas, inclusive as fechadas, também são azuis, assumindo que isso se deve a um efeito do solo ou de um corante. Em ambos os casos a explicação é a mesma: tudo se deve às ondas de luz.

As ondas electromagnéticas da luz contam com um comprimento de ondas longas, compostas pelos tons vermelhos e amarelos, e um comprimento de ondas curtas, composto pelos tons azuis e violetas. Quando temos uma pequena quantidade de água, em um copo ou recipiente, todos os comprimentos de onda podem passar pela água sem problema, deste modo vemos a água sem cor; no entanto, as coisas mudam quando falamos de grandes concentrações de água, como é o caso do mar imenso ou, em menor proporção, no caso das piscinas.

Quando grandes quantidades de água se concentram, as ondas longas passam sem problema, no entanto as ondas curtas compostas pelos tons azulados não são absorvidas totalmente e refletem, fazendo-nos ver o mar azul. Em uma grande concentração de água, os comprimentos de onda entrarão nas moléculas de água seguindo uma ordem específica: infravermelho, vermelho, luz ultravioleta, amarelo, verde, violeta e, por último, o azul, que acabará refletindo e dando ao mar a sua cor característica.

Por que o mar é azul? - A cor da água e as ondas de luz

Os diferentes tons de azul do mar

O fato das ondas curtas se refletirem quando existem grandes quantidades de água, fazendo com que o mar pareça azul, faz também com que o tom do oceano seja diferente dependendo da profundidade em que nos encontremos. A uma grande profundidade o mar será de um tom azul muito intenso, mas à medida que nos aproximamos da terra vemos como ele se torna mais claro até ficar completamente transparente, algo que observamos claramente no extremo das ondas ou espuma.

Outros fatores que podem alterar o tom azul do mar é a presença de algas ou sedimentos, pois a luz baterá primeiro contra eles antes de refletir no mar, o que pode dar como resultado tons azuis mais esverdeados. Este fenômeno só acontece na água limpa e cristalina; quando ela possui uma grande quantidade de sedimentos, barro ou impurezas, como no caso de pântanos, alguns rios ou inclusive no próprio mar após uma tempestade ou chuva abundante, a cor refletida não será o azul, pois a luz se espalhará de forma diferente devido à presença dessas partículas.

Interessante, não acha?

Por que o mar é azul? - Os diferentes tons de azul do mar

Se pretende ler mais artigos parecidos a Por que o mar é azul?, recomendamos que entre na nossa categoria de Formação.

Escrever comentário sobre Por que o mar é azul?

O que lhe pareceu o artigo?

Por que o mar é azul?
1 de 3
Por que o mar é azul?

Voltar ao topo da página