Partilhar

O que é uma bomba de hidrogênio

Por Nicolas Santos. Atualizado: 16 janeiro 2017
O que é uma bomba de hidrogênio

Numa bomba de hidrogênio, Bomba H ou bomba termonuclear, ocorrem processos de fusão de átomos e seus núcleos parecidos com os processos existentes no sol, e na produção de sua energia. Átomos de hidrogênio se fundem, dando origem não só ao Hélio (substância gasosa) mas também a uma gigantesca quantidade de energia, a sua explosão.

A bomba de hidrogênio é parecida com uma bomba atômica, mas pode ser ainda mais destrutiva, por isso, neste artigo, umComo explica o que é uma bomba de hidrogênio e qual a diferença entre ela e uma bomba atômica.

Também lhe pode interessar: O que é Coltan

A bomba de hidrogênio

Para que a fusão dos átomos de hidrogênio possa acontecer, primeiramente um processo de cisão nuclear deve ocorrer – e é por isso que existem semelhanças entre as duas bombas, porque em ambas existem reações nucleares ocorrendo. Nestas situações, partem-se núcleos de átomos como o do urânio e plutônio, pois quando um núcleo é partido, gera-se maiores proporções de energia do que se geraria ao fundi-los. E é essa energia que permite a fusão dos hidrogênios. Logo, para que possa haver o processo de fusão dos H's primeiro precisa-se gerar quantidades enormes de energia, como no sol, para que depois torne-se possível a reação.

O resultado do imenso acúmulo de energia é a explosão causada pela bomba, que possui potencial destrutivo muito maior do que a bomba atômica que, por exemplo, foi lançada em Hiroxima e Nagasáqui, em 1945, pelos Estados Unidos.

Qual a diferença entre a bomba de hidrogênio e a bomba atômica

Em suma, ambas são bombas atômicas, como já dissemos; a diferença entre as duas está, além da potência, da forma como trabalham os átomos e seus respectivos núcleos para a obtenção de energia. A bomba "atômica", assim conhecida, é a bomba nuclear mais simples, que parte núcleos de urânio para transformá-los em energia, processo que, como vimos, também faz parte da reação atômica que ocorre na bomba de hidrogênio.

Como funciona a bomba termonuclear

Agora, para explicar melhor a diferença entre as duas e o porquê, uma vez que passam por processos semelhantes, a bomba termonuclear é tão mais poderosa que a "simples" bomba atômica. Isto acontece porque na bomba atômica, os pedaços partidos do núcleo do urânio são conservados como "pedaços de urânio" – veja que estamos explicando da forma mais simples possível – enquanto na bomba termonuclear, estes pedaços transformam-se em energia. Imagine, ao pegar uma pedra mais ou menos pequena e parti-la com uma marreta. Se você pegar todos estes pedaços e recolocá-los numa balança, o peso será o mesmo. Isto porque compõem uma mesma massa. Isto é o que acontece com o urânio da bomba atômica normal; já no caso da Bomba H, estes pedaços são partidos com tal brutalidade que os mesmos transformam-se em energia. Para entender melhor, vejamos o que Einstein tem a dizer: partindo do ponto que todos nós sabemos que a matéria não pode desaparecer, apenas ser transformada, como uma pedra inteira transformada em cacos, que mantem o mesmo peso, a mesma massa; como fica a parte do urânio que simplesmente some, na Bomba H. Reposta: ele é apenas transformado em energia, uma vez que nada pode simplesmente desaparecer. Agora, imagine todo aquele urânio sendo transformado em energia, somado com todos os outros processos da própria bomba que em si, já geram energia...

A história da Bomba H

Os principais criadores da bomba de hidrogênio como conhecemos são Stanislaw Ulam e Edward Teller, que desenvolveram-na para os Estados Undos. O primeiro teste com a bomba de hidrogênio ocorreu em 1952, onde ela foi lançada num atol, local similar a um recife, só que mais afastado da costa, no Oceano pacífico. Este atol foi completamente destruído e Mike, nome carinhoso para a primeira bomba H testada, foi classificada como bomba de potência gigantesca, equivalente, aproximadamente, à explosão de dez milhões de toneladas de TNT. Toda esta potência equivale, mais ou menos, à 800 vezes a potência da bomba nuclear lançada sobre Hiroxima e Nagazáki.

Três anos após a explosão de Mike pelos Estados Unidos, a URSS ou União Soviética da época, lança sua primeira bomba termonuclear, nomeada como "Tzar Bomba". E no início de 2016, a Coréia do Norte faz o seu primeiro teste no dia 5, causando um alerta mundial, e alegando que o teste foi feito "para que 2016 comece com uma demonstração do poder da Coréia do Norte". Mostrando, mais uma vez, que Kim Jong-un é um homem com senso de humor um pouco depravado. Veja também, em nosso site, artigos como:

O que é uma bomba de hidrogênio - A história da Bomba H

Se pretende ler mais artigos parecidos a O que é uma bomba de hidrogênio, recomendamos que entre na nossa categoria de Cultura e Sociedade.

Escrever comentário sobre O que é uma bomba de hidrogênio

O que lhe pareceu o artigo?

O que é uma bomba de hidrogênio
1 de 2
O que é uma bomba de hidrogênio

Voltar ao topo da página