Partilhar

O que é ética profissional

Por Sara Viega. Atualizado: 16 janeiro 2017
O que é ética profissional

Ser um bom profissional implica ter bons conhecimentos técnicos e capacidades, boas relações com os colegas, boa comunicação, bom espírito de equipe e flexibilidade. No entanto, ninguém é um bom profissional se não praticar uma conduta ética no seu emprego. O trabalhador deve ter um conjunto de valores e princípios seguindo os padrões éticos, assim como empregar esses valores fora do local de trabalho. Existem vários fatores que formam a ética profissional, como vai aprender lendo esse artigo do umComo. Para ser um profissional de excelência e ser visto dessa maneira pelos seus pares, saiba mais sobre o que é ética profissional.

Também lhe pode interessar: O que é um Déjà Vu

Ética

De modo a entender o que é ética profissional, é necessário compreender o conceito de ética.

A palavra tem origem na expressão grega ethikos e designa a ciência da conduta em duas vertentes:

  • Ciência do fim ou finalidade e dos meios de agir para atingir o fim (tem como base a natureza do homem);
  • Ciência da motivação das condutas humanas (considerando as causas do comportamento humano e as forças que o motivam).

Ética profissional

A ética o trabalho engloba alguns comportamentos que são esperados dos profissionais de todas as áreas. Estes atributos também fazem parte do ser ético como um todo, não se aplicando apenas ao mundo do trabalho.

Trabalhar com ética profissional significa obedecer ao código de ética profissional definido para a área de trabalho e pela sociedade em geral. Todos os cargos possuem um código de conduta específico e não existe um bom profissional que não seja profissionalmente ético.

Algumas profissões incluem códigos profissionais particularmente específicos, como é o caso dos profissionais de saúde, advogados, assistentes sociais e psicólogos.

O que é ética profissional - Ética profissional

Fatores componentes da ética profissional

Existem alguns elementos importantes da ética profissional, comuns aos da ética social e presentes em todos os códigos, independentemente do cargo. Saiba quais são:

  • Competência: Ser competente não é uma tarefa que apenas implica ser talentoso em determinada atividade. A capacidade de ajudar os colegas, a organização e o compromisso também são atributos do profissional competente que procura ter um bom desempenho geral no seu emprego.
  • Prudência: Ter atenção a comentários, brincadeiras e atitudes que não são apropriadas, respeitar a hierarquia de trabalho, respeitar as relações profissionais existentes e ser prudente na realização das tarefas fazem de qualquer pessoa um profissional prudente.
  • Imparcialidade: Ser imparcial é muito importante para ter uma conduta que respeita a ética profissional. Tratar todos os colaboradores da mesma forma, independentemente no seu lugar na hierarquia é um objetivo importante, especialmente para os cargos mais elevados. O protecionismo não pode ser praticado quando algo dá errado, mesmo que nasçam amizades dentro da empresa. O pessoal e o profissional deve ser separado e o foco deve ser no trabalho em si, e não na pessoa.
  • Humildade: Ser humilde não é o mesmo que dizer mal do próprio trabalho ou recusar elogios. A humildade traduz-se no profissional que pede ajuda quando tem dúvidas, no caso dos funcionários e saber ouvir os subordinados, no caso do chefe. Saber reconhecer os seus erros e aprender com eles é outra forma de humildade essencial para o profissional ético.
  • Sigilo: Informações que dizem respeito à empresa, aos colegas ou aos superiores não devem ser partilhadas fora do ambiente profissional. Os dados confidenciais devem ser apenas do conhecimento dos colaboradores, e não é vantajoso para ninguém que todo o mundo saiba do que se passa ali. As informações confidenciais são, geralmente, protegidas pela lei e o funcionário pode ser punido legalmente por divulgá-las.
  • Honestidade: A honestidade é uma regra básica para a vida profissional e pessoal. Falhar em cumprir este requisito pode levar a consequências graves para o profissional, como a demissão do mesmo, dependendo da gravidade da mentira. Seja honesto no local de trabalho, assuma os seus erros e as suas falhas e conseguirá ter uma boa conduta de ética profissional.
O que é ética profissional - Fatores componentes da ética profissional

Recomendações

Agora que já sabe o que é a ética profissional, dê uma olhada nesses artigos que podem ajudá-lo a ser um profissional de excelência:

Como ser bem sucedido no trabalho

Como ser um bom profissional

Como ser um bom colega de trabalho

Se pretende ler mais artigos parecidos a O que é ética profissional, recomendamos que entre na nossa categoria de Formação.

Escrever comentário sobre O que é ética profissional

O que lhe pareceu o artigo?
1 comentário
joana
Tento a meses obter o numero de um processo,de meu tio ,mas o advogado a 3 meses se nega a dar o numero,e não atende mais meus telefonemas ,e cada vez que falei prometeu o numero mas não passou,recebeu o valor de 6000 mil reais ,outra advogada falou com ele ,ele se negou a passar o numero também,e vive dizendo a terceiras pessoas que tem um audio comprometedor que ,ferraria com tudo se a familia insistir em querer saber do processo,a advogada que está tentando ajudar ,me notificou que não tem processo da parte dele tramitando ...a quem recorrer???

O que é ética profissional
1 de 3
O que é ética profissional

Voltar ao topo da página