Partilhar

Como fazer um plano de vida

Por Sara Viega. Atualizado: 16 janeiro 2017
Como fazer um plano de vida

Às vezes, podemos nos sentir confusos ou desorientados sobre o nosso estado atual ou nosso futuro. Um plano de vida é uma ferramenta que permite estruturar a sua cabeça e criar um esquema sobre aquilo que quer conseguir, aquilo que quer mudar, e as ações que levará a cabo para isso. Neste caso, podemos considerar uma série de passos que vamos expor mais para a frente, que permitirão fazer o nosso plano de vida. Dependendo de alguns fatores, como a idade, é muito provável que olhemos para o nosso futuro de uma forma diferente. Neste artigo de umComo queremos ajudar você para que saiba como fazer um plano de vida.

Também lhe pode interessar: 60 perguntas inteligentes sobre a vida
Passos a seguir:
1

A primeira coisa que devemos pensar para poder enfrentar a elaboração do nosso plano de vida é a nossa situação atual e o nosso meio. Devemos realizar uma análise de nossas virtudes e defeitos e analisar as possibilidades que temos no meio em que estamos.

  • Virtudes pessoais. Pessoa muito sociável, organizada, trabalhadora, com capacidade de sacrifício, educada, com determinação, confiante, aplicada, etc.
  • Defeitos pessoais. Excessivamente preguiçosa, com dificuldade para cumprir objetivos, sem nenhuma ambição, pouco trabalhadora, sem educação, etc.

Tanto uma como a outra são relativamente subjetivas e dependerão de cada pessoa de forma individual. Isto significa que uma pessoa pouco trabalhadora e preguiçosa pode conseguir os seus objetivos, mas é provável que tenha mais dificuldade do que uma que não o seja. Além disso, o meio também pode representar mais facilidades ou dificuldades, como vamos ver agora. Devemos considerar outras variáveis como o local de residência, a economia do nosso país, as possibilidades de trabalho, entre outras. Dependendo das metas propostas, deverá avaliar as possibilidades de cumprir com elas em função dos recursos e possibilidades oferecidas em seu meio. No seguinte ponto vamos ver isso com mais detalhes.

Como fazer um plano de vida - Passo 1
2

Agora que já estudamos e analisamos o nosso meio, devemos nos perguntar: Quais são os objetivos que queremos conseguir no nosso plano de vida pessoal? Estes objetivos podem constituir uma série de metas de diferentes tipos que configuram um plano de vida:

  • Estudos. É um dos primeiros fatores que nos permitirão satisfazer o desejo de chegar ao trabalho desejado. Nem todos os trabalhos precisam de estudos, mas hoje em dia parece algo quase obrigatório, dando por suposta a educação primária e secundária.
  • Trabalho. Relacionado com o aspecto anterior, se um dos nossos pontos no plano de vida for conseguir um determinado trabalho, deveremos pensar no que devemos fazer para o conseguir. Ou seja, o que temos que estudar, quais habilidades devemos melhorar e desenvolver mais e quais outros aspectos deveríamos melhorar.
  • Relações. Este ponto faz referência ao desejo de estabelecer uma relação emocional com as pessoas. Se o que deseja é conservar os amigos, se relacionar mais ou conseguir um parceiro/a, deverá tomar as medidas necessárias considerando sua situação atual. Se quiser encontrar namorado/a, seria legal rever as virtudes da primeira seção. Por outro lado, também pode se propor a melhorar a sua relação com a família e, neste caso, deveria fazer uma lista das suas possíveis ações para conseguir este objetivo.

É interessante tentar estipular objetivos de forma a que possam ser contados e medidos mais à frente, para ver se conseguimos ou até onde fomos capazes de chegar. Um bom exemplo seria: obter um certificado de nível de inglês em um ano. Isto permite-nos ver se realmente conseguimos o objetivo depois de um determinado prazo que nós mesmos definidos. No entanto, outras metas mais subjetivas, como as relacionadas com as relações pessoais, serão mais difíceis de medir.

Como fazer um plano de vida - Passo 2
3

Agora que temos claros os objetivos que queremos no nosso plano de vida, devemos pensar nas ações que podemos levar a cabo para os conseguir. Alguns precisarão de mais esforços do que outros e inclusive pode ter a sensação de que será impossível de conseguir, mas não desespere nem fique impaciente; tudo precisa de tempo. Devemos fazer uma lista separando os diferentes pontos que criamos nos objetivos: estudos, trabalho, relações pessoais, etc. Agora escrevemos em cada ponto o que podemos fazer para que o objetivo se cumpra, por exemplo:

  • Estudos. Estudar duas horas todos os dias para passar a tudo, prestar atenção na aula, se matricular em uma escola de idiomas, etc.
  • Trabalho. Fazer um bom currículo, ser mais organizado, aprender técnicas para enfrentar as entrevistas de trabalho, se esforçar para melhorar os aspectos negativos que possam prejudicar na hora de conseguir o trabalho desejado, etc.
  • Relações. Ser mais detalhista com o parceiro/a, escutar mais os amigos, passar mais tempo com os pais, etc.

Como vemos, são um conjunto de ações, que somadas fazem com que, pouco a pouco, sejam melhorados certos aspectos que aproximam você cada vez mais dos diferentes objetivos. As ações são os meios através dos quais chegaremos à meta. Um exemplo muito gráfico é imaginar uma corrida, onde o atleta precisa de treinar todas as semanas e fazer esforços para poder atingir o seu objetivo: a meta. Somos atletas e se quisermos conseguir as nossas metas teremos que trabalhar e nos esforçar, caso contrário o nosso plano de vida ficará em um papel e não passará para a realidade.

Como fazer um plano de vida - Passo 3
4

Por último, é importante manter um controle ou rastreamento dos meios ou ações propostas em função dos objetivos do nosso plano de vida. É importante detectar as falhas que cometemos e entender que, como todo ser humano, nós erramos. Por isso, temos que ir revendo os nossos objetivos e as ações propostas com o objetivo de ver se estamos seguindo a rota adequada para a sua consecução. No caso de detectar que não estamos indo pelo bom caminho, devemos corrigir esses aspectos a melhorar, ao mesmo tempo que valorizamos e nos sentimos gratos pelo que fomos capazes de cumprir. O futuro só depende de nós; podem existir mais ou menos dificuldades por determinadas circunstâncias, mas pode sempre tratar de atingir o plano de vida com esforço e constância.

Como fazer um plano de vida - Passo 4

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como fazer um plano de vida, recomendamos que entre na nossa categoria de Formação.

Escrever comentário sobre Como fazer um plano de vida

O que lhe pareceu o artigo?

Como fazer um plano de vida
1 de 5
Como fazer um plano de vida

Voltar ao topo da página