Partilhar

Como ajudar uma criança introvertida

Por Sara Viega. Atualizado: 16 janeiro 2017
Como ajudar uma criança introvertida

A timidez é mais um traço de personalidade, não podemos estabelecer uma idade específica em que começam a aparecer os problemas, mas quase 15% dos menores de seis anos sofrem de introversão, que costuma ser observada em crianças retraídas ou hesitantes diante de situações novas. Normalmente, costuma-se notar a timidez quando a criança sai da sua zona de conforto, isto é, do núcleo familiar. Seu filho se esconde atrás de você quando algum desconhecido fala com ele? É difícil para ele participar das atividades em grupo junto com outras crianças? Costuma se assustar em situações desconhecidas? Se todas as respostas forem afirmativas, seu filho sofre de problemas de timidez. Como indicamos, não se trata de um transtorno, mas de um traço de caráter que pode ser modificado e superado com trabalho, esforço e compreensão. Se quiser saber mais sobre como ajudar uma criança introvertida, no seguinte artigo do umComo.com.br damos as dicas. Anote!

Também lhe pode interessar: Como ajudar uma criança distraída
Passos a seguir:
1

Antes de ajudar uma criança introvertida, você deve conhecer as possíveis origens da timidez. Deste modo, será bem mais fácil reconhecer os problemas de personalidade da criança. Geralmente, a introversão costuma desenvolver-se desde bem pequeno, junto com os medos, sobretudo frente ao desconhecido, desde começar o colégio até o medo da separação dos pais.

Por volta dos 3 anos, as crianças começam a raciocinar de maneira lógica diante de seus medos, o que pode se tornar um problema de timidez caso se agrave. Ainda que existam muitas crianças que nascem com a predisposição de serem tímidas, ou seja, trata-se de uma característica genética, muitas podem superar a timidez ao longo dos anos, já que a genética não é um fator determinante nos problemas de introversão.

2

É importante saber detectar os sinais e as atitudes de uma criança introvertida. Geralmente são medrosos e assustados, sobretudo diante daquilo que desconhecem (é comum se esconderem atrás das pessoas de sua confiança) e evitam todas aquelas pessoas que não conhecem. É difícil sair da sua zona de conforto, daquilo que dominam, que conhecem e que não as assusta.

Por outro lado, sofrem problemas de integração, já que preferem ficar sozinhos ao invés de fazerem atividades em grupo (esta é a maior diferença entre introversão e timidez). Nesta linha, você notará a introversão da criança, já que costumam ser pouco participativas e muito caladas quando estão com outras crianças.

Como ajudar uma criança introvertida - Passo 2
3

É fundamental detectar a tempo estes sinais e freá-los se não quiser que a criança tenha dificuldades para se relacionar conforme forem passando os anos, sobretudo na adolescência, uma das etapas mais duras e controversas da vida. Avalie seu comportamento e entenda por que a criança não mostra abertamente seus sentimentos. Entender o que é a introversão e o que significa é importante para poder ajudar o menor.

4

Uma das chaves para ajudar uma criança introvertida é evitar a superproteção no ambiente doméstico. O menor deve se sentir seguro, mas não superprotegido. Os pais não devem falar por ele, devem deixar que se desenvolva por si só, que cresça, que se machuque, que cometa erros e, sobretudo, que aprenda. A superproteção da criança a tornará frágil e retraída, e a ideia é fortalecê-la para que aos poucos supere o problema com a ajuda dos pais, claro. Lembre-se que o isolamento social e colocá-la em uma bolha de amor fraternal só aumentarão o problema.

Como ajudar uma criança introvertida - Passo 4
5

Não a force. É importante que você não tente, de forma alguma, que a criança tenha comportamentos que não são de seu caráter. Alguns pais tentam obrigar seus filhos a serem mais abertos ou sociáveis de maneira inconsciente, com frases como "não se esconda", "diga alguma coisa", "vá brincar com as crianças", etc. Obrigar seu filho a deixar de lado a introversão não o ajudará a superar os problemas. Você deve deixar que aos poucos ele descubra sozinho que não há problema algum. Lembre-se: quanto menos você falar, mais conseguirá.

6

A sociabilidade dos pais ajudará com a introversão da criança, já que as crianças costumam imitar tudo aquilo que veem. Por isso, se seus pais têm comportamentos abertos, sociais e desinibidos em situações fora do comum, é provável que a criança adote estas atitudes de uma maneira natural.

Como ajudar uma criança introvertida - Passo 6
7

Deixe de lado as etiquetas, já que não ajudarão em nada com o menor. Você não pode usar a maneira de ser de seu filho como escudo para desculpá-lo. Deve tentar que a criança relaxe e se adapte normalmente às situações desconhecidas. Dê-lhe tempo e espaço para que aceite as novidades, que as descubra por si próprio e que supere seus medos.

8

É preciso procurar oportunidades para que a criança possa relacionar-se, desinibir-se e perder o medo e a timidez. Sair para comer com crianças da mesma idade, ir ao parque diariamente, matriculá-lo para praticar seu esporte favorito ou convidar algum amigo para dormir em casa, ajudará a que ela pratique suas habilidades sociais e, aos poucos, a se livre da introversão. Talvez seja difícil no início, por isso você deverá proporcionar-lhe a segurança de que ela precisa para se desenvolver, mas deverá deixar que se adapte sozinha com total naturalidade. Lembre-se: segurança sim, superproteção não.

Como ajudar uma criança introvertida - Passo 8
9

Por último, mas não menos importante, você deverá tentar reconhecer seus esforços e méritos, já que para uma criança introvertida superar certos medos é uma verdadeira odisseia. Deve sempre avaliar todas aquelas atitudes positivas que ajudem a criança a dar mais um passo para se afastar da introversão. O reconhecimento ajudará a confiar em si mesma, por isso fará com que se sinta segura para enfrentar novas situações desconhecidas.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como ajudar uma criança introvertida, recomendamos que entre na nossa categoria de Ser Pai e Mãe.

Escrever comentário sobre Como ajudar uma criança introvertida

O que lhe pareceu o artigo?

Como ajudar uma criança introvertida
1 de 5
Como ajudar uma criança introvertida

Voltar ao topo da página