Partilhar

Como ajudar uma criança insegura

Por Sara Viega. Atualizado: 16 janeiro 2017
Como ajudar uma criança insegura

Quer saber como ajudar uma criança com insegurança? A introversão faz parte da personalidade, mas com um pouco de aprendizagem poderá se abrir um pouco e se comportar de uma forma bem mais segura. No geral, a insegurança é um claro reflexo de falta de confiança e é um problema que pode ser tratado com carinho e paciência. Em umComo.com.br vamos contar para você como ajudar uma criança insegura.

Também lhe pode interessar: Como ajudar uma criança distraída
Passos a seguir:
1

O mais normal é que uma criança insegura se retraia por medo do fracasso. Quando uma criança sente que tem poucas habilidades em alguma área concreta como estudos, esporte ou relações sociais, costuma estar preparado para o desastre e dessa forma, evita qualquer atividade relacionada com o seu mal-estar pessoal. Uma criança torna-se retraída em certas situações e quando esses sentimentos de inferioridade se generalizam, pode se sentir insegura em quase todos os aspectos da sua vida.

2

Cada criança aprende ao seu ritmo, mas é muito importante que a família esteja atenta para reconhecer os indicadores de uma criança com insegurança. Se seu filho demonstra um medo exagerado do fracasso e dos erros, se tem pouca motivação para conviver ou brincar, se não demonstra entusiasmo nem interesse pelas aulas, se as críticas ou as observações em excesso lhe afetam e se, apesar de se esforçar estudando, seus resultados escolares são deficientes, estes são alguns dos sinais de que a insegurança está afetando o seu filho.

Como ajudar uma criança insegura - Passo 2
3

Há mais sinais visíveis que demonstram que seu filho tem insegurança. Se é tímido quando está rodeado de pessoas ou em suas aulas diárias, se é barulhento e inclusive conflitivo, se evita qualquer atividade que coloque em suspeita suas habilidades, se se sente muito triste e frustrado na escola ou se tende a subvalorizar- se constantemente dizendo que não tem nenhuma habilidade especial. Deve estar atento a estes indicadores porque são um claro sinal de alerta de que seu filho precisa de você.

4

Seus esforços devem ser dirigidos a devolver a sua confiança e autoestima. É fundamental que os pais ajudem os filhos a quebrar essa linha tão nociva de pensamento, deve aumentar sua autoestima e lhe mostrar o positivo que é se comportar de uma forma mais ativa e participativa. É muito recomendável que lhe dê responsabilidades adequadas à sua idade e habilidades. Se não lhe pedir nada, estará fomentando o pensamento de que não confia nele e exige de si demais, poderá fazê-lo sentir-se mal, porque reforçará a sua imagem de pessoa sem aptidões.

Como ajudar uma criança insegura - Passo 4
5

Para poder contribuir para a autoestima danificada do seu filho, deve elogiar os seus sucessos por menores que sejam. Não cometa o erro de dar por entendido que seu filho sabe o orgulhoso que você está dele, já que é muito positivo que o faça saber e também é recomendável que fale tudo de bom do seu filho a outras pessoas quando souber que ele está diante de você.

Além de reconhecer os seus êxitos, deve tirar importância aos fracassos, desta forma irá se sentir motivado a seguir sempre em frente e não se render perante nada. Outra forma de ajudar a fomentar a segurança do seu filho é ensinar-lhe o auto reforço, os pensamentos positivos sobre si mesmo são fundamentais, deixe que ouça você colocá-los em prática.

6

Um traço muito comum que gera insegurança é a aparência física. As dúvidas sobre a aparência corporal são fruto de muitos sentimentos complicados. Estas incertezas devem-se às mensagens que se recebem desde a infância, já que os pais cometem o erro muitas vezes de comparar as crianças entre si. Deve ensinar seu filho a aceitar-se, dizendo-lhe que seu físico é ótimo e não há nenhum motivo para invejar nem se comparar. Como pai, deve contribuir para que seu filho se sinta especial assim como é.

Neste artigo damos a você alguns conselhos que ajudarão a superar os complexos físicos.

Como ajudar uma criança insegura - Passo 6
7

E antes de mais, para ajudar o seu filho a fazer com que se sinta seguro é demonstrando todo o seu amor e afeto. Todas as crianças precisam se sentir queridas e que você a ama assim como é. Deve demonstrar-lhe o seu carinho de muitas maneiras: escute, apoie, cuide, brinque e, sobretudo, faça-o participar na vida familiar. Estes aspectos contribuirão para que durante sua etapa escolar se sinta mais predisposto e motivado e tire proveito de todo seu potencial.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como ajudar uma criança insegura, recomendamos que entre na nossa categoria de Ser Pai e Mãe.

Escrever comentário sobre Como ajudar uma criança insegura

O que lhe pareceu o artigo?

Como ajudar uma criança insegura
1 de 4
Como ajudar uma criança insegura

Voltar ao topo da página