Partilhar
Partilhar em:

O que é bioma

O que é bioma

Dentre os muitos termos que aparecem na biologia, bioma é um frequentemente visto. Como a definição de bioma não é das mais simples, podem acontecer confusões na hora de aplicar o termo. Para acabar com essas dúvidas, o umCOMO procurou informações sobre o tema e organizou todas elas para que você consiga entender exatamente o que é um bioma.

Significado de bioma

O termo bioma vem da junção de bio (vida) com oma (grupo). Ao pé da letra significa grupo de vida. Entretanto, o conceito exato vai um pouco mais a fundo dessa definição sintática. A maneira mais simples de se pensar o significado de bioma é como uma comunidade de seres vivos (plantas e animais) que abrange grandes áreas e tem condições físicas e climáticas comuns e predominantes.

Além da localização, cada bioma será sempre identificado pelas espécies de plantas e animais típicos daquele clima e relevo. É importante não confundir bioma com ecossistema, um sistema com aspectos físicos e biológicos que são essenciais para a existência de uma espécie. Para facilitar, lembre-se que um bioma pode englobar diferentes ecossistemas.

Também é imprescindível saber diferenciar bioma de biota, que é usado para referir-se apenas à parte viva desse sistema, no caso, fauna e flora. De forma geral, as principais características que ajudam a definir um bioma específico são:

  • Fauna;
  • Flora/vegetação
  • Condições físicas;
  • Condições climáticas;
  • Condições geográficas;
  • Tipos de rochas.

Tipos de biomas do mundo

Não se pode dizer ao certo quantos biomas existem exatamente no mundo. Mas, livros didáticos gostam de citar os 11 principais biomas de acordo com a faixa climática local, mesmo que possam existir diferenças em cada região. Os biomas ainda podem ser classificados entre biomas aquáticos e biomas terrestres.

Biomas aquáticos

Os biomas aquáticos estão nos rios, mares e oceanos, subdivido-se nas seguintes classificações:

Bioma marinho

Para ecossistemas de água salgada, que representam 70% da superfície terrestre. Dentro desse bioma há subdivisões e categorias que classificam os ambientes de acordo com a sua localização e forma de se locomover quanto à profundidade, penetração de luz e comunidades marinhas (plâncton, nécton e bentos). Os ecossistemas mais conhecidos dentro desse bioma são manguezal, recifes de corais e estuários.

Bioma de água doce

Para rios, lagos, lagoas, e grandes bacias hidrográficas. Esse bioma pode ser classificado em zonas (litorânea, limnética e profunda) e com subdivisões que levam em consideração o tipo de corrente, o ambiente ao redor e outras particularidades.

Biomas terrestres

Os biomas terrestres são os biomas da chamada litosfera, a camada que representa a parte sólida do planeta Terra, os outros 30% que não estão ocupados por água. Sob uma perspectiva global, os biomas terrestres mais conhecidos são:

Tundra

Bioma típico do hemisfério Norte, predominante no norte da América e Europa com poucas árvores e temperaturas muito baixas, o clima pode ser polar ou seco. A vegetação fica por conta de arbustos, ervas e matos rasteiros no verão. No inverno o solo pode estar congelado devido às temperaturas de - 20ºC. Urso-polar e outros animais do ártico são os mais conhecidos da fauna.

Taiga

Também conhecido como floresta de coníferas, esse bioma também é típico de regiões com clima frio e polar. Pinheiros e coníferas podem se desenvolver nesse bioma que fica um pouco mais quente do que a Tundra no verão. Canadá, Suécia, Finlândia e Japão são alguns dos lugares conhecidos por esse bioma.

Floresta temperada

O nome desse bioma faz referência ao clima onde ele predomina e se adapta. As estações do ano são todas muito marcadas no bioma da floresta temperada, elas localizam-se entre os círculos polares e as zonas tropicais. Carvalho e nogueira são plantas típicas. Já a fauna tem uma variedade imensa de insetos a felinos e grandes mamíferos.

Savana

A savana existe em regiões de clima tropical com muita seca. Apesar de serem muito ligadas ao continente africano, principal área de incidência, ela também pode ser encontrada na América do Sul e na Austrália. A vegetação é composta por descampados cobertos por gramíneas, arbusto e árvores pequenas - a acácia é uma espécie de de símbolo desse bioma. Já a rica fauna tem grandes herbívoros e carnívoros e também répteis, anfíbios e grandes aves.

Mediterrâneo

O bioma mediterrâneo está diretamente ligado ao clima da região, que é conhecido por invernos chuvosos e verões quentes e secos. Árvores espaçadas e arbustos são as características mais marcantes da vegetação desse bioma que se localiza principalmente na costa norte da região do Mediterrâneo.

Floresta tropical

Localizada entre os trópicos, é conhecido como o bioma mais ricos da Terra. A alta incidência de sol e chuva são responsáveis por tamanha riqueza em termos vegetais e animais. Todos os continentes com exceção de Europa e da parte da América do Norte têm pelo menos um pouco de floresta tropical.

Desertos quentes

Independente de ser quente ou frio, os desertos em geral são regiões áridas e semi-áridas que se estendem por grandes superfícies. A diferença é que o bioma dos desertos quentes engloba aqueles que têm um contraste térmico muito alto entre o dia e a noite.

Desertos frios

Já os desertos frios têm uma temperatura média de inferior a 18ºC. Geralmente estão próximos a cordilheiras e distantes dos oceanos.

Biomas brasileiros

No Brasil existem 6 tipos de biomas dentro do extenso território que são os mais conhecidos. São eles:

Amazônia

É o maior bioma do Brasil e a maior reserva de biodiversidade do mundo. O clima quente e úmido, florestas, chuvas torrenciais, rios, árvores altas e uma variedade de valor inestimável quanto às espécies da fauna e da flora - mais de um terço das espécies que vivem na Terra estão lá.

Cerrado

Este é considerado o segundo maior bioma da América do Sul, ele também pode ser considerado savana, só que com uma variedade de espécies ainda maior e um destaque para as bacias hidrográficas desse bioma. Planaltos, chapadas e florestas de mata ciliar são ícones do cerrado.

Mata Atlântica

Uma combinação de montanhas, planícies, vales e planaltos com árvores altas que ocupa a costa continental atlântica do país e igualmente uma alta diversidade na fauna. A Mata Atlântica, entretanto, é considerado o bioma mais descaracterizado do Brasil pela alta taxa de desmatamento e ocupação das áreas litorâneas.

Caatinga

O bioma da Caatinga pode ser considerado como uma mata clara e aberta, que em alguns locais também é conhecida como o "sertão". A seca é a característica mais marcante junto com o calor embora chuvas irregulares também façam parte deste bioma. O desmatamento da Caatinga também é uma preocupação constante de ecologistas.

Pampa

O Rio Grande do Sul é conhecido pelos pampas com suas paisagens que alternam serras, planícies, morros e coxilhas cobertos de campos nativos e matas ciliares. A fauna e flora são ricas, com destaque para a variedade de emas, perdizes, capins, e arbustos.

Pantanal

O pantanal é considerado o bioma de maior superfície inundável do planeta graças ao seu típico solo pouco impermeável, isso é o que faz esse bioma tão único. A vegetação e a fauna são influenciadas pelos outros biomas brasileiros Amazônia, Cerrado e Mata Atlântica.

Se deseja ler mais artigos parecidos a O que é bioma, recomendamos que entre na nossa categoria de Educação e Formação universitária.

Comentários (0)

Escrever comentário sobre O que é bioma

O que lhe pareceu o artigo?

O que é bioma
1 de 3
O que é bioma