Partilhar

Quais as vantagens de se ensinar música para uma criança

Por Nicolas Santos. Atualizado: 16 janeiro 2017
Quais as vantagens de se ensinar música para uma criança
Imagem: br.guiainfantil.com

O ensino da música, não só para crianças mas para qualquer pessoa traz muitas vantagens para o desenvolvimento do seu raciocínio, senso de organização, observação e até capacidade de trabalhar em equipe. Neste artigo vamos tratar em especial o ensino de música para crianças pois os benefícios gerados são ainda mais impactantes, além disso, vamos iniciar uma pequena discussão sobre por que o ensino de música nas escolas é importante e é claro, não pensando apenas nos benefícios consequentes do aprendizado e sim dos benefícios que se tem com o próprio conhecimento de como a música funciona.

Neste artigo, umComo te mostra quais as vantagens de se ensinar música para uma criança.

Também lhe pode interessar: Quais são as 7 belas artes

Qual o impacto da música no desenvolvimento racional da criança

Vamos começar por alguns tópicos de ações provocadas pela música que já estão confirmadas pela ciência. O ensino desta matéria para crianças é mais impactante do que para adultos por que as primeiras se encontram em fase de desenvolvimento e tem maior capacidade de absorver e entender as informações ao seu redor.

  • O estudo da música nas escolas valoriza o trabalho em equipe

Nas salas de aula temos uma quantidade de alunos que mesmo que varie de escola para escola não interfere no fato de que há uma relação entre essas pessoas que lá estudam. Durante a aula de música essa relação muda um pouco, as crianças não ficam cada uma no seu canto tendo que estudar a matéria individualmente e sim em grupo, na maioria dos casos. Numa aula de música os alunos tem que entrar em sintonia para que possam aprender a reproduzir uma obra, por exemplo, da forma mais harmoniosa possível. Afinal a prática em conjunto é um dos critérios avaliados pela matéria.

  • A música proporciona um importante modo de expressão individual.

No tópico acima nos limitamos à uma situação escolar, para compensar, neste tópico vou tratar um pouco do seu impacto individual. Façamos uma relação com a escrita por exemplo, um ser ao ser alfabetizado, mesmo que não possua o pleno domínio sobre aquela língua, poderá transmitir seus pensamentos, sentimentos e vontades de alguma forma. A música funciona quase que da mesma forma pois ao aprender as notas existentes, os intervalos e o que podem ser feitos com eles, uma nova linguagem surge na cabeça da criança, uma nova forma de se expressar.

  • Raciocínio lógico, auto-disciplina e diligência.

Começando pelo raciocínio lógico (Qi), para os iniciados pode ser banal mas a maioria das pessoas não sabe a quantidade de equações matemáticas que ocorrem no processo da música, ao tocar, estudar, se apresentar em grupo. Tudo isso conta, nem que seja ao subconsciente de quem toca, de forma positiva para o seu raciocínio matemático. Quando ensinada para crianças com até 7 anos de idade a música pode aumentar o Qi em até 9 pontos. A memória também é aprimorada, em dois sentidos: O primeiro é na memorização do aspecto de cada nota, quando a criança incia seus estudos de música até os 6 anos de idade ela pode desenvolver ouvido absoluto (capacidade de identificar as notas apenas de ouvido) e o segundo aspecto é a memorização de combinações, simples ou combinadas, da parte teórica do estudo.

A auto-disciplina e diligência se encaixam quase que na mesma posição do trabalho em grupo, ao executar uma obra, a criança tem a noção de que o seu erro compromete o desempenho do seu grupo, desta forma se dedica ainda mais aos estudos. Se estiver interessada na disciplina.

O ensino de música no Brasil

Devemos levar em conta, porém, que as afirmações acima por mais que sejam verdadeiras e baseadas em dados científicos e comentários de especialistas, não se aplicam em todos os casos. São poucas as escolas do Brasil que tem este tipo de educação, levando as pessoas que desejam que seus filhos aprendam música a procurarem por escolas de música ou professores particulares.

Desta forma o trabalho em grupo parece não se encaixar no estudo, mas imagine que seu filho, se desejar continuar com os seus estudos, cedo ou tarde poderá vir a procurar uma banda ou grupo com quem se unir. Uma vez que tocar em grupo é sempre mais divertido e produtivo.

Muitas escolas de música ensinam seus alunos através de grupos justamente pelo fato da cooperação que se aprende simultaneamente no decorrer dos cursos.

Conclusão

Agora que sabemos todo o conjunto de coisas que estão em ação e são desenvolvidas durante o ensino da música, devemos nos perguntar "então é para isso que a musica serve?"

Não, não é. Todas as pontos citados acima são verdadeiros e se desenvolvem no decorrer do estudo, mas a música, deve ser ensinada pelo simples fato de ser música, arte, que nos é agradável para os ouvidos, que nos transmite sentimentos e que possibilita que muitas pessoas tenham mais um meio de se expressar na sociedade.

A música, como arte, é importante para nós seres humanos e está ligada a nossa história há muito, mas muito tempo. Mesmo que o seu aprendizado desenvolva outras coisas interessantes para a criança, ela deve ser ensinada com o intuito de ser aquilo que ela é e nada mais, uma arte, sem intuito de atingir outros fins.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Quais as vantagens de se ensinar música para uma criança, recomendamos que entre na nossa categoria de Formação.

Escrever comentário sobre Quais as vantagens de se ensinar música para uma criança

O que lhe pareceu o artigo?

Quais as vantagens de se ensinar música para uma criança
Imagem: br.guiainfantil.com
Quais as vantagens de se ensinar música para uma criança

Voltar ao topo da página