Partilhar

Como se formou o Estado islâmico

Por Rebecca Albino. Atualizado: 16 janeiro 2017
Como se formou o Estado islâmico
Imagem: delitodeopiniao.blogs.sapo.pt

Algumas partes da história se confundem em nossa cabeça, mas saber bem cada uma de suas partes é algo fundamental para que possamos compreender bem nossa história e não ficar por fora quando alguma coisa aparecer no jornal ou quando alguém quiser discutir o assunto com você. Por isso que em UmComo vamos dar uma força e explicar como se formou o estado islâmico. Confira!

Princípio

O Estado Islâmico do Iraque e Levante (EIIL), nos dias de hoje é chamado de Estado Islâmico (EL) é um grupo sunita radical que surgiu a partir da influência do grupo Al Qaeda – que é uma organização fundamentalista islâmica, que foi responsável pelos ataques terroristas mundialmente conhecidos que aconteceram no dia 11 de setembro de 2001, nos Estados Unidos, este grupo recrutou milhares de combatentes.

Sunitas vs. Xiitas, as diferenças!

Para quem não sabe, os Sunitas seguem o Islamismo e são conhecidos por sempre reverem, como se fosse uma espécie de atualização, suas interpretações do livro sagrado do Alcorão e da Lei Islâmica. Eles fazem isso levando em conta as mudanças que ocorrem no mundo e, também, baseando-se na Suna, um livro onde estão registrados os marcos e exemplos do profeta Maomé. É, inclusive, daí que o nome Sunita originou-se. Algumas pessoas podem confundir os Sunitas com os Xiitas, mas a diferença é que estes formam um grupo menor de seguidores e que tem como característica serem tradicionalistas e mantendo as antigas interpretações do Alcorão e da Lei Islâmica.

O que querem?

O ponto principal do grupo sunita é criar um Estado Islâmico na região que fica localizada entre a Síria e o Iraque que seja conduzido pela lei Sharia, que é o código muçulmano cujo princípio é o Alcorão. Abu Bakr al-Bagdadi, líder do EL, disse em abril de 2013 que o Estado Islâmico do Iraque e a Frente Al-Nosra (grupo jihadista presente na Síria) se uniriam para deixar apenas o Estado Islâmico do Iraque e Levante, mas Al-Nosra não quis isso e os grupos seguiram separadamente até que no início de 2014 o começo do conflito surgiu entre eles.

O EL questiona a autoridade do chefe da Al-Qaeda e disse não à proposta de que se concentrassem no Iraque e que deixassem a Síria para a Al-Nosra.

Tema Recente

Esse é um tema bastante recente. Para se ter ideia, foi no último dia 29 de junho desse ano que o líder do grupo, conhecido como Abu Bakr al-Bagdadi, foi escolhido como “o califa de todos os muçulmanos”. Como efeito de curiosidade, estima-se (não há muitas fontes que comprovem isso) que o EL tenha entre 5 e 6 mil combatentes só no Iraque e entre 6 e 7 mil militantes na Síria, segundo o pesquisador do Brookings Doha Centre, Charles Lister.

O que é Califa e Califado?

Para que você compreenda melhor, um Califa pode ser traduzido ou entendido como um Representante. Já o Califado é o processo de escolher um líder, o Califa, para os muçulmanos em todo o mundo.

Como eles sobrevivem?

O EL não conta com o apoio de nenhum Estado, então acredita-se que a maior parte dos fundos são originários de doadores individuais, a maioria localizada no Golfo Pérsico.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como se formou o Estado islâmico, recomendamos que entre na nossa categoria de Cultura e Sociedade.

Escrever comentário sobre Como se formou o Estado islâmico

O que lhe pareceu o artigo?
1 comentário
Samuel Nascimento Oliveira
Não mostrou oque eu queria , tinha que colocar as Atividades do Estado Islamico e a Constituição do Estado Islamico ⚡⚡

Como se formou o Estado islâmico
Imagem: delitodeopiniao.blogs.sapo.pt
Como se formou o Estado islâmico

Voltar ao topo da página