Partilhar

Como saber se o seu filho ouve bem

 
Por Paula Cassandra. Atualizado: 16 janeiro 2017
Como saber se o seu filho ouve bem

Mães e pais podem ter dúvidas sobre como saber se o seu filho ouve bem, por isso, é preciso estar atento ao comportamento da criança, o que vai ajudar a identificar possíveis problemas. É importante frisar que quanto antes algo de errado for diagnosticado menores são as chances do problema progredir do mesmo modo que aconteceria se nada fosse percebido. Para o ajudar nessa hora, o umComo.com.br reuniu algumas dicas úteis, confira quais são elas.

Também lhe pode interessar: Como fazer o bebê dormir em seu berço
Passos a seguir:
1

Para saber se o seu filho ouve bem o primeiro passo é que logo após o nascimento o bebê passe pelo teste da orelhinha, que costuma ser feito nos primeiros dias de vida, ainda na maternidade. Ele é obrigatório e gratuito para todas as crianças. Mesmo que nada tenha sido verificado no exame, entretanto, é essencial que os pais estejam atentos ao desenvolvimento do seu filho.

Como saber se o seu filho ouve bem - Passo 1
2

A melhor maneira de detectar problemas é entendendo como funciona o desenvolvimento da audição da criança. Nesse sentido, é possível dizer que o bebê ouve os sons ao seu redor desde que nasce, sendo que a sua audição vai estar madura no fim do primeiro mês de vida, mas isso não quer dizer que ele já estará entendendo tudo o que ouve. No início, é mais fácil para o bebê identificar os sons agudos, além disso, ele sempre vai responder de alguma forma aos sons conhecidos, com gestos ou balbucios, e se assustar com sons repentinos e fortes.

3

A partir do terceiro mês de vida, a criança tem uma audição mais ativa e receptiva, assim, quando ouvir a voz dos pais vai olhar diretamente para quem estiver falando com ele, além de tentar responder com sons. Porém, não é preciso haver preocupação se depois de alguns instantes que a mãe começou a falar com o bebê ele se desconcentrar. Ouvir é uma atividade dispendiosa nessa fase e por isso ele pode se cansar, mostrando desinteresse.

4

Ao completar cinco meses, a criança já consegue perceber a origem dos sons e, por isso, mesmo que alguém conhecido esteja atrás dele falando, o seu instinto é o de se virar para enxergar a pessoa. É nesse mesmo período que o bebê reconhece o seu próprio nome, mesmo quando estiverem falando sobre ele e não necessariamente com ele. Por outro lado, eles conseguem dormir mesmo com os cães latindo ou o telefone tocando e, se isso ocorrer, também não é motivo de preocupação.

5

No entanto, bebês que nasceram prematuros ou que passaram por alguma infecção ou deficiência de oxigênio ao nascerem possuem maiores chances de ter algum déficit auditivo. O mesmo acontece se existem casos na família de problemas auditivos. Porém, não se pode esquecer ainda que resfriados e dores de ouvido podem prejudicar a audição, sem que tenha relação com déficits auditivos. Além disso, na medida em que a criança cresce fica mais fácil de identificar problemas de audição, mas pode ser tarde demais.

Como saber se o seu filho ouve bem - Passo 5
6

Quando ainda bebê, a forma mais eficiente de saber se o seu filho ouve bem é observando se ele reage bem aos sons intensos, tenta fazer barulhos para estabelecer uma comunicação e se procura a origem dos sons. Quando estiver maior, a criança com problema de audição pode demorar a começar a falar, ter dificuldade de alfabetização, aumentar demais o som da televisão ou do rádio, parecer desatenta com frequência, falar muito alto e pedir para que os outros repitam o que disseram. É motivo de preocupação ainda quando a criança não ouve quando a chamam de outro cômodo dentro de casa.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como saber se o seu filho ouve bem, recomendamos que entre na nossa categoria de Ser Pai e Mãe.

Escrever comentário sobre Como saber se o seu filho ouve bem

O que lhe pareceu o artigo?

Como saber se o seu filho ouve bem
1 de 3
Como saber se o seu filho ouve bem

Voltar ao topo da página