Partilhar

Como introduzir os cereais na alimentação do bebê

Por Sara Viega. Atualizado: 16 janeiro 2017
Como introduzir os cereais na alimentação do bebê

Os cereais são um elemento essencial na alimentação do bebê, já que oferecem uma importante contribuição de fibras, vitaminas, minerais e nutrientes de grande valor para o seu desenvolvimento, além de ajudá-los a se habituarem a sabores e texturas diferentes do leite, o que facilitará a adaptação de todos os outros alimentos. De seguida, em umComo.com.br explicamos-lhe como introduzir os cereais na alimentação do bebê.

Também lhe pode interessar: Como é a alimentação do bebê de 6 meses
Passos a seguir:
1

Os cereais costumam ser inseridos a partir de 4 a 6 meses, quando o bebê começa a precisar de mais nutrientes dos que o leite lhe proporciona. Os primeiros cereais que inserimos na dieta do bebê são o arroz e o milho, porque não contêm glúten. Este é um componente proteico que pode causar alergias e intolerâncias nos bebês, e por isso os especialistas aconselham introduzi-lo a partir dos 4 e 7 meses, quando o aparelho digestivo já puder assimilá-lo melhor. A partir dessa idade, já podem ser introduzidos outros cereais como o trigo, a cevada, a aveia e o centeio.

2

Normalmente, aconselha-se acrescentar duas ou três colheres de chá na mamadeira de leite (materna ou de fórmula) que o bebê toma normalmente e ir aumentando gradualmente a quantidade. O pediatra aconselhará sobre a quantidade adequada, de acordo com as necessidades da cada criança.

3

Atualmente, há no mercado uma grande variedade de cereais infantis, com diferentes sabores e composições. Para uma boa escolha, tenha em mente que os cereais sejam equilibrados, isto é, que forneçam as quantidades corretas de cada nutriente. É importante não ter adição de açúcares, para habituar o bebê a sabores naturais e, assim, incentivar hábitos saudáveis. Isto ajudará a prevenir fatores de risco ligados a doenças crônicas na idade adulta como a obesidade.

4

A maioria das papinhas de cereais costumam ser enriquecidas com cálcio, ferro e vitaminas, que são nutrientes essenciais para que o bebê tenha o crescimento ideal nesta etapa tão importante de sua vida.

5

Além disso, alguns grãos têm efeito bifidus, estimulando o crescimento das bifidobacterias benéficas para o intestino do bebê, ajudando a regular o funcionamento do seu intestino e também a melhorar a absorção do cálcio, ferro, vitaminas e outros minerais.

6

Por todas as suas qualidades, as papinhas são fundamentais para o desenvolvimento das crianças e é importante que façam parte da sua dieta.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como introduzir os cereais na alimentação do bebê, recomendamos que entre na nossa categoria de Ser Pai e Mãe.

Conselhos
  • Consulte sempre o pediatra antes de começar a dar cereais ao seu bebê.

Escrever comentário sobre Como introduzir os cereais na alimentação do bebê

O que lhe pareceu o artigo?

Como introduzir os cereais na alimentação do bebê
Como introduzir os cereais na alimentação do bebê

Voltar ao topo da página