Partilhar

Como fazer um bebê dormir rápido

Por Nelia Oliveira. Atualizado: 25 junho 2018
Como fazer um bebê dormir rápido

Quantas vezes ao ver um bebê dormindo você já disse que inveja? Certamente que em mais de uma ocasião você desejou ser bebê para comer e dormir, isto porque os bebês passam a maior parte do dia dormindo. Mas também existem aqueles que lhes custa adormecer devido a alguma coisa que os incômoda ou porque se encontram mal. Neste artigo do umCOMO vamos dar algumas dicas para saber como fazer um bebê dormir rápido, o que fazer se ele não dorme e como acordá-lo e fazer com que relaxe. Assim poderá aproveitar o tempo que ele estiver dormindo para fazer alguma tarefa de casa.

Também lhe pode interessar: Como decorar uma festa infantil

7 passos imprescindíveis para fazer o bebê dormir o mais rápido possível

1. Alimente-o

Antes de fazer o seu bebê dormir, deverá alimentá-lo caso contrário acordará ao final de pouco tempo. Depois de lhe dar a quantidade de leite que está acostumado a tomar, tem que se certificar que eliminou todos os seus gases. Assim sendo deve esperar que dê o típico arroto depois de lhe dar mamadeira.

2. Dê banho ou troque a fralda

Depois de tomar a sua mamadeira e eliminar os gases, tem que o preparar para dormir na sua cama. Para isso, deve mudar a sua fralda e limpá-lo bem. Uma dica para fazer dormir um bebê rápido é dar-lhe banho antes de dormir, isso normalmente os deixa moles. Depois deve colocar-lhe a roupa que usa apenas para dormir, desta forma ele identificará que é hora de dormir.

3. Roupas confortáveis

A roupa que lhe vestir deve ser confortável e permitir o movimento das suas extremidades. Ou seja, que lhe permita movimentar os seus braços e as suas pernas.

4. Canções de ninar

Antes de o colocar o bebê na cama ou berço, deverá embalá-lo ou cantar-lhe uma canção suavemente para que adormeça mais rapidamente. É muito importante que o bebê durma no seu berço e não na dos pais, pois mais tarde será mais difícil terminar com este vício. Por isso, não caia na atenção e coloque o seu bebê a dormir consigo, pense que mais tarde vai ser pior.

5. Ambiente acolhedor

Tem que se certificar que o ambiente onde o vai pôr para dormir seja o adequado. Isto porque durante o sono os bebês identificam-se com a vida que tiveram dentro do ventre, por isso tem que criar um ambiente que se pareça com este. Trate de criar um ambiente acolhedor e familiar. Deixe o ambiente com pouca ou nenhuma luz. Caso seja necessário algum tipo de iluminação opte por um abajur baixo ou por aqueles bonequinhos que existem para criar uma fonte de iluminação de baixa intensidade. Também é importante ter em atenção a temperatura do quarto, nem demasiado quente nem demasiado fria. E deve combinar a temperatura com o que o bebê tem vestido e a roupa de cama.

6. A melhor posição para o bebê dormir

Depois de deitar o bebê, lembre-se que é melhor deitá-lo de barriga para cima, esta é a melhor posição para um bebê dormir. Se vir que é necessário pode pôr música para o ajudar a adormecer. Além disso, fará com que se habitue a dormir com sons à sua volta.

7. Quando dar a chupeta

A chupeta pode fazer o bebê dormir mais rápido, mas deve ter em atenção a este fator. Se for até aos dois anos de idade não tem qualquer problema, a partir dessa idade já é recomendável tirar a chupeta uma vez que pode prejudicar a dentição. O que pode fazer é dar-lhe a chupeta antes de adormecer e tirá-la quando já estiver a dormir.

'Meu bebê não dorme', o que fazer?

Caso o bebê acorde a meio da noite e não seja por fome ou por qualquer outro desconforto, não tem que o levantar do seu berço. Faça-lhe umas festinhas nas suas costas e embale-o um pouco até que adormeça novamente.

Papais e mamães que estejam preocupados se perguntando por que meu bebê não dorme direito devem conhecer quais são as possíveis causas do problema:

Distúrbios do sono na infância

São comuns os relatos de que as crianças pequenas, durante a noite, acordam até seis vezes, deixando os pais exaustos no dia seguinte. Esse comportamento prejudica o bem estar da família como um todo e, por isso, é importante que o bebê visite o seu pediatra para avaliar se as interrupções do sono são sintomas de alguma doença.

Em um primeiro momento, é avaliado se o acordar constante não está relacionado a problemas de otite, cólica, obstrução de vias aéreas, refluxo gastroesofágico, crises de asma e mesmo ao uso de algumas medicações.

Insônia em bebês, o que fazer?

Se esses quadros forem excluídos, o bebê pode não dormir direito porque tem insônia, porém, diferente dos adultos, nos pequenos o distúrbio pode ser de associação ou de falta de limites.

No primeiro, falta à criança entender que está na hora de ir para a cama e, para estimulá-la ao sono é preciso criar rituais e fazer uso de acessórios, como chupeta e bicho de pelúcia, os quais vão ajudá-la, inclusive, a voltar a dormir se despertar ao longo da noite. Esse tipo de insônia é mais comum entre os seis meses e os três anos.

Já o distúrbio da falta de limites é quando a criança não quer ir para a cama, recusando-se, o que é mais fácil de ocorrer quando os pais não criam limites bem definidos. Essa situação também é recorrente nas crianças que já vão para a escola e estão aprendendo a se tornarem mais independentes.

Como criar uma rotina de sono para bebês e crianças dormirem

Muitos bebês que não têm um sono tranquilo à noite são diagnosticados como hiperativos. No entanto, a rotina dentro do lar pode contribuir para a má qualidade do sono. Por isso, para ajudar o bebê a dormir direito é indicado que à vida dele seja incluída uma rotina, na qual vá para a cama sempre no mesmo horário. Nesse momento, toda a família deve contribuir indo dormir também ou reduzindo os sons de dentro de casa.

Os pais podem ainda, meia hora antes de levar o bebê para o berço, desligar a TV, apagar algumas luzes, ler uma história e criar outros hábitos para fazer o ritual necessário para que o pequeno entenda que está na hora de dormir. Por outro lado, não é indicado fazer nada que o estimule, o que fará seu sono ir embora, assim, evite brincadeiras que deixem a criança agitada.

Quando a criança cresce, ela ainda pode negar ir para a cama porque tem medo de não acordar. Nesse caso, os pais devem explicar que se ela está cansada, são sinais de que deve dormir, e que no dia seguinte, quando ela acordar poderão fazer tudo de novo.

Quando acordar um bebê

Mães e pais de primeira viagem sempre têm muitas dúvidas sobre o cuidado do seu bebê e, uma das dúvidas mais frequentes é relacionada com o sono do bebê. Algo que costumamos ouvir é que não se deve acordar um bebê dormindo, mas isso vai depender do momento do dia em que estamos falando. Como já vimos, os pais devem ensinar o seu bebê a dormir, isso é essencial para que o bebê aprenda a regular o seu ritmo do sono, por isso pode ser necessário você acordar o seu bebê.

'Devo acordar o meu bebê para amamentar?'

Quando falamos de bebês recém-nascidos deve-se acordar o bebê para comer, pois ele não deve ficar mais de 3 horas sem comer. Os recém-nascidos durante o primeiro mês dormem bastante, entre 16 e 17 horas por dia, mas o habitual é não dormirem mais de três ou quatro horas de cada vez. É importante seguir estes horários, pois dar de comer a um bebê quando já está cheio de fome não é a melhor altura para o fazer. A essa altura o bebê já vai chorar e vai ser mais difícil de o acalmar.

É importante que o bebê durma também durante o dia, mas é fundamental que as sonecas não se estendam muito mais de três horas. Ao fazer isso você vai atrasar as refeições do bebê e, claro que ele vai tentar repô-las depois no período da noite, que é quando não o deveria fazer.

Por isso, é fundamental ensinar o seu bebê a criar uma rotina diária, nunca o acordando no limite da fome. O ideal é atender às suas necessidades mesmo antes dele as demonstrar. Durante o dia deve existir um ritmo regulado de alimentação, sono e atividade, caso contrário essa desregulação vai se manifestar ao final do dia e à noite.

Estas são as recomendações habituais no que diz respeito à alimentação do bebê recém-nascido, porém deverá seguir sempre as recomendações do seu pediatra ou médico, especialmente se o seu bebê estiver abaixo do peso ou for prematuro.

Como fazer um bebê dormir rápido - Quando acordar um bebê

Como acordar um bebê

Então como já referido, é importante acordar o seu bebê não só para o alimentar, mas também para criar uma rotina diária. Mas acordá-lo deve ser algo que deve ser feito com muita calma, pois você não quer que o seu bebê acorde irritado e assustado. Assim como os adultos, os bebês também fases de sono leves e profundas, por isso será mais fácil acordá-lo quando ele estiver na fase de sono leve. Você pode perceber que o seu bebê está na fase de sono leve se ele mexer as pernas e os braços, se sorrir enquanto está dormindo ou se mexer a boca.

Técnicas para acordar um bebê com calma

Caso você veja que o seu bebê está num sono profundo e você queira acordá-lo para lhe dar de comer, uma das formas de o acordar é deitar-se ou sentar-se ao seu lado. Coloque a sua mão sobre ele, pois o contato pode ajudar o bebê acordar. Para além disso, pode começar a tirar-lhe o lençol suavemente para trás. Passe a sua mão pela sua cabeça e rosto, o contato físico e a exposição ao calor ou frio vão ajudar o seu bebê a acordar mais facilmente. Acender uma luz no quarto do seu bebê, também o pode ajudar a acordar e a perceber melhor a relação do sono com a iluminação.

Depois de ele acordar, fale com ele suavemente e tire-o do berço para os seus braços para o ajudar a acordar. Assim como nós gostamos de acordar suavemente, também o seu bebê gosta de acordar sem movimentos bruscos ou vozes muito altas, por isso faça tudo gentilmente.

O que fazer se o bebê dorme enquanto mama

Pode acontecer de o seu bebê adormecer enquanto está mamando, mas é importante evitar essa situação pois o bebê pode acabar por não mamar o suficiente, gerando problemas como perda de peso. Então o que você deve fazer para o manter acordado durante a amamentação é tentar falar com ele enquanto mama, olhar nos olhos e mudar de seio.

Depois de amamentar o seu bebê é importante colocar o seu bebê para arrotar. Se tiver dúvidas quanto a esta parte, não hesite em entrar no artigo sobre como ajudar meu bebê a arrotar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como fazer um bebê dormir rápido, recomendamos que entre na nossa categoria de Ser Pai e Mãe.

Conselhos
  • Fale com o seu bebê, e embora ele não lhe responda porque não sabe falar, antecipe o que irá fazer dizendo-lhe exatamente isso que vai fazer. Isto ajudará a criar os seus hábitos futuros.

Escrever comentário sobre Como fazer um bebê dormir rápido

O que lhe pareceu o artigo?

Como fazer um bebê dormir rápido
1 de 2
Como fazer um bebê dormir rápido

Voltar ao topo da página