menu
Partilhar

Como controlar o uso da Internet pelos adolescentes

Por Redação umCOMO. Atualizado: 16 janeiro 2017
Como controlar o uso da Internet pelos adolescentes

No nosso dia a dia, a Internet desempenha um papel muito importante. Não só é usada por profissionais em seu trabalho ou estudantes na hora de receber informação, mas também é uma fonte inesgotável de lazer, que muitos adolescentes usam diariamente para passar seu tempo livre. Todos sabemos que dentro da rede há uma grande quantidade de conteúdo. Perante qualquer dúvida, existem vários conselhos na hora de saber como controlar o uso da Internet pelos adolescentes.

Também lhe pode interessar: Como a Internet afeta os adolescentes
Passos a seguir:
1

Devemos tentar evitar as atitudes autoritárias por todos os meios. É bem mais eficaz adotar uma postura de diálogo na hora de controlar o uso da Internet pelos adolescentes. Para isso, é essencial que o adolescente e os pais tenham uma comunicação próxima e fluida. Uma atitude positiva séria, por exemplo, dar as ferramentas necessárias para que o jovem possa gerir seu próprio uso da Internet.

2

Neste ponto, é interessante falar com os adolescentes sobre seus gostos, experiências e interesses. Os pais deverão dar seu ponto de vista e assim debater conjuntamente com que finalidade o seu filho usa a Internet.

3

É evidente que para poder saber o que é Internet, os pais devem se familiarizar com estas tecnologias. Se queremos saber o que fazem nossos filhos, nós mesmos devemos experimentar e navegar pelos lugares em que normalmente eles acessam. Isto não significa fazer um perfil de facebook falso para falar com nosso filho ou filha.

4

Podemos prevenir nossos filhos de várias coisas. Por exemplo, podemos falar com o adolescente sobre a veracidade dos conteúdos na Internet. Nem tudo o que se publica é verdadeiro. Além disso, também é interessante explicar aos garotos que muitas vezes a gente muda sua identidade para brincar na Internet. Portanto, é essencial que não deem dados pessoais como endereço, telefone, sobrenome ou horários de instituto ou colégio.

5

Também é importante advertir sobre os perigos que implica combinar com desconhecidos ou enviar fotos a pessoas que não sabemos realmente quem são.

6

Você deve evitar que o adolescente passe muitas horas navegando na Internet. Este ponto é um pouco complexo, pois se formos autoritários, o jovem reagirá mal. Por isso, é melhor incentivá-lo a realizar outras atividades, de maneira sempre amável. Tente fazê-lo se interessar por outros hobbies que não incluam chats, perfis sociais e páginas de Internet.

7

Muito cuidado com os jogos. Embora seja verdade que nem todos os jogos violentos criam uma atitude violenta nos adolescentes, a mensagem que transmitem não é o melhor para uma pessoa que está em fase de formação.

8

Podemos revisar a história e a lista de favoritos para ver que páginas nossos filhos visitam. Evidentemente que esse passo deve ser feito com certa cautela para que os jovens não se sentam espiados.

9

Além disso, existem algumas ferramentas para poder filtrar os conteúdos. Estas ferramentas são encontradas on-line, gratuitamente. Costumam ser filtros que também funcionam como antivírus. O problema, é que muitas vezes funcionam com palavras-chave e há certas páginas que passam despercebidas. Ainda assim, pode ser uma boa ferramenta.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como controlar o uso da Internet pelos adolescentes, recomendamos que entre na nossa categoria de Ser Pai e Mãe.

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?

Como controlar o uso da Internet pelos adolescentes
Como controlar o uso da Internet pelos adolescentes

Voltar ao topo da página