Como começar uma introdução

Como começar uma introdução

A introdução é o primeiro contato do leitor com um texto, por isso, devemos nos esforçar para sermos claros, deixando explícito qual é a temática que será tratada durante todo o texto, além do tipo de abordagem que teremos, ou seja, qual será o ponto de vista sob o qual a temática em questão será analisada. Além de todos os pontos já citados, devemos nos preocupar com a coesão e a coerência textual, com palavras para iniciar uma redação visando criar um início interessante e bem escrito que prenderá a atenção de seus leitores. Vai escrever um texto e precisa de uma ajudinha com como começar uma introdução? Neste artigo do umCOMO explicamos como começar uma redação, palavras úteis e frases prontas para redação que podem te ajudar.

Como começar uma introdução

Como você já deve saber, a introdução de uma redação deve ter um parágrafo e ser escrita pensando em explicitar ao leitor qual é a temática e abordagem escolhidas para serem desenvolvidas. Para conseguir escrever sua texto com clareza e competência,

  • Faça um rascunho: dificilmente a primeira versão de um texto será a melhor, por isso, é importante que façamos um rascunho, que deverá ser lido com atenção para corrigirmos erros e melhorarmos o que puder ser expressado de maneira mais clara e precisa. Não se esqueça de que a introdução será a porta de entrada do leitor para seu texto e que deve ficar impecável.
  • Faça uma lista de elementos a serem introduzidos: quando lemos uma proposta de redação, é comum que ideias nos venham à mente e que acabemos por esquecê-la justamente na hora perfeita para introduzi-las. Para evitar deixar informações importantes e que poderão acrescentar muito a seu texto, faça notas na folha de rascunho ou nos cantos da folha de proposta para conseguir organizar bem as informações importantes para sua introdução e as que ficarão para o desenvolvimento.
  • Utilize dados e citações: para fortalecer seus argumentos, nada mais válido do que adicionar informações concretas a partir das quais você se baseou para chegar às suas conclusões. Caso você não tenha nada em mente ou não lembre da origem da informação, não se preocupe pois não é algo obrigatório, mas se souber, veja como usar citações para redação.
  • Faça contraposição de ideia: uma boa forma de chegar à conclusões de forma convincente é observar a mesma ideia sob diversos pontos de vista diferentes, utilizando argumentos para provar sua opinião, reforçando sua ideia e refutando o que a contradizer. A oposição de ideias deverá ser colocada na introdução, enquanto os argumentos favoráveis e contrários irão para os parágrafos de desenvolvimento.

Para mais dicas, veja como fazer uma boa redação.

Frases para começar uma redação

Ao escrever uma redação, uma das possibilidade para dar início ao texto é pensar em expressões e palavras para começar uma introdução, o que te dará o embalo para terminar a primeira frase e assim conseguir formular sua introdução. Existem algumas palavras para usar na redação, entretanto, não se esqueça de pensar em qual será o teor do início do texto visando que a frase escolhida combine com o planejado. Com isso, a intenção é dizer que, se o texto for começar com uma ideia que envolve um assunto atual, não podemos utilizar uma expressão que faça referência ao passado etc.

Veja abaixo alguns exemplos de frases prontas para redação:

  • A história nos mostra que...
  • Em razão de...;
  • Não é raro ouvirmos que...
  • Segunda pesquisa realizada sobre...
  • Muito se discute acerca de...
  • Dentre os inúmeros motivos que levam alguém a...
  • Tendo em vista a atual situação...;
  • Atualmente, há um grande debate acerca de...
  • Percebe-se que...;
  • É indiscutível que...;
  • Ao analisarmos...;
  • Levando-se em conta o desenrolar de...
  • Basta considerar que [...] para concluirmos que...
  • Em nosso país...
  • Especialistas afirmam que;
  • Ao observar o cenário...
  • Atualmente, é possível observar...
  • Por difícil que seja analisar...
  • É de grande importância...
  • Em virtude do atual cenário...;
  • No século...
  • Muito se debate...
  • Pode-se afirmar que...;
  • Apesar do que muitos acreditam...
  • Cogita-se a possibilidade de...
  • Ao contrário do que diz a crença popular...
  • Ao analisar os fatos relacionados a...
  • Não raro, pensa-se que...
  • Levando em consideração [...] podemos considerar...;
  • Quando observamos o passado...

Agora que você já sabe como começar uma introdução, veja também as melhores dias para redação do ENEM!

Como NÃO começar uma redação

Para saber como iniciar uma introdução é também muito importante tomar nota de algumas coisas que não podemos fazer, evitando que cometamos erros por vezes sutis mas que podem acabar nos fazendo perder nota, caso seja uma redação a ser avaliada, ou então confundir nossos leitores.

  • Não faça pressuposições: redações, principalmente argumentativas como são as do ENEM e de provas de vestibulares, devem ser escritas por meio da análise de fatos. Algumas expressões como "muitos pensam que" ou "é indiscutível que" devem ser embasadas, o que significa que devemos ter certeza do que estamos dizendo e não apenas pressupondo algo baseados em nossas experiências pessoais.
  • Foque na temática proposta: acontece por vezes de termos um texto com temática definida para escrever e, por termos conhecimento de algo relacionado, acabarmos desviando do foco e desenvolvendo um texto que foge da proposta. Ao terminar o parágrafo inicial de um redação, releia o tema e confira se o que você escreveu vai ao encontro do proposto.
  • Evite lugares comuns: algumas ideias são de consenso geral e não valem a pena ser discutidas e, quando são, apenas demonstram conhecimento raso por parte do autor, além de tornarem a leitura desinteressante e cansativa. Coloque-se no lugar do leitor e tenha como pressuposto que ninguém tem interesse em ler o que já sabe. Dando exemplo para deixar a ideia clara, se formos discutir corrupção, de pouco adianta dizermos nos posicionarmos contra dizendo ser algo errado, o que importa é encontrar soluções para o problema.
  • Evite utilizar a primeira pessoa: A não ser que você esteja escrevendo um texto pessoal sem necessário vínculo com fatos, é preferível que substitua a primeira pessoa pela omissão de sujeito, fazendo com que "eu penso que" se torne "pensa-se que". A dica é válida mesmo se você estiver procurando como começar uma introdução dissertativa argumentativa, já que o uso da primeira pessoa dá ao leitor a sensação de que as informações contidas no texto não passam de uma opinião pessoal, ainda que seja bastante embasada.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como começar uma introdução, recomendamos que entre na nossa categoria de Formação.