Partilhar

Como aprender a ouvir

Por Sara Viega. Atualizado: 16 janeiro 2017
Como aprender a ouvir

Um dos maiores defeitos dos humanos é que falamos mais do que ouvimos. Isto pode significar um problema na hora de estabelecer uma relação de confiança com os outros, bem como fazer com que as pessoas não contem conosco para expor uma situação ou um problema no qual se encontram. Quando falamos, gostamos que a pessoa que temos à nossa frente preste atenção, e do mesmo modo, devemos corresponder com a nossa atenção. Ouvir é uma virtude que permite captar aquilo que escutamos, analisar a informação recebida e tomar decisões ou formar opiniões de uma forma mais objetiva. Se tem notado que costuma a não prestar atenção, ou se alguém disse que nunca escuta ou que não deixa falar os outros, neste artigo de umComo.com.br explicamos para você como aprender a ouvir.

Também lhe pode interessar: Como aprender a ser constante

Deixe de pensar em você

Ainda que soe um pouco brusco, temos que saber nos centrar nos outros e saber quando devemos ser atenciosos com eles para os ajudar. Do mesmo modo, é importante estar concentrado quando alguém dá a você uma explicação em qualquer contexto, já que caso contrário, a outra pessoa pode pensar que não se importa com aquilo que está explicando e pode se sentir ofendida. Normalmente encontramos dois tipos de pessoas:

  • Aquelas que não ouvem porque lhes custa centrar a atenção no que a outra pessoa está explicando, se distraem facilmente, ou tendem a se desconectar da conversa quando outra pessoa fala sobre algo que lhes interessa.
  • Aquelas pessoas que não deixam falar os outros, ou que interrompem constantemente sem deixar que a outra pessoa acabe sua explicação. Estas são as pessoas que costumam pensar sempre em coisas que ocorrem com eles, e não se preocupam por aquilo que os outros estão contando, mas que sempre comparam situações ou vivências que surgem na conversa e comparam-nas com suas próprias.
Como aprender a ouvir - Deixe de pensar em você

Trate de sse mostrar receptivo

Em uma conversa existe uma série de sinais verbais e não verbais que mostram seu interesse para o emissor. Estes são utilizados, na maioria das vezes, de forma involuntária e espontânea para mostrar que está seguindo a conversa, e que aquilo que está ouvindo interessa você. Portanto, centrar-se em adotar este conjunto de sinais permitirá que a outra pessoa perceba seu interesse e se dê conta de que realmente está escutando.

Sinais verbais

São aqueles sons ou palavras que incorporamos paralelamente às explicações da outra pessoa, sem a interromper. É muito fácil entender este tipo de comportamentos se pensar em uma chamada telefônica, na qual não pode ver a outra pessoa, mas realiza pequenas intervenções para que saiba que está prestando atenção.

Sinais não verbais

É basicamente a linguagem corporal. Devemos olhar para a pessoa, para que perceba que estamos prestando atenção, concordar com a cabeça, fazer caretas que mostrem que entende a situação e que está interessado naquilo que está ouvindo. É um dos aspectos mais importantes para aprender a ouvir.

Como aprender a ouvir - Trate de sse mostrar receptivo

Tente ser empático

A empatia é a virtude de saber se colocar na situação da outra pessoa, para entender o que lhe aconteceu, como se sente, e ser consciente de muitas coisas que não podemos expressar com palavras. Para isso é fundamental ouvir atentamente, e antes de dar a nossa opinião, interromper ou responder de forma precipitada, devemos pensar e tentar entender o que aquela pessoa nos está contando. É um passo essencial para aprender a ouvir, além de ser eficiente na hora de ajudar alguém. Neste artigo explicamos a você como ser uma pessoa empática.

Como aprender a ouvir - Tente ser empático

Falar mais não significa comunicar mais

Falar mais não é igual a saber mais, falar mais não implica ser o que manda, falar mais não significa dizer mais coisas... Assim é, melhor dizer mais com menos, ao invés de falar muito para dizer pouco. Reflita, pense, avalie, e quando tiver ordenado as ideias na sua cabeça depois de ouvir, fale. Aprender a escutar também ajudará a que aquilo que disser faça sentido. Por isso, ouvir irá permitir-nos dar opiniões ou expressar nossos pensamentos de forma coerente, assim a outra pessoa verá que entendemos aquilo que nos explicou, além de poder contribuir com algo útil como resposta.

Como aprender a ouvir - Falar mais não significa comunicar mais

Ouvir e opinar

Por outro lado, aprender a ouvir também implica saber se a pessoa nos está pedindo a nossa opinião, ou só nos expõe um argumento ou nos explica uma situação vivida. Algumas pessoas podem se sentir incomodadas se dermos a nossa opinião quando não a pediram Por isso, temos que saber quando temos que ouvir, e quando temos que ouvir e contribuir com nossos conselhos. Normalmente, uma pessoa que quer a nossa opinião irá pedi-la, enquanto que em outras situações só devemos escutar, sem ir mais além. Isso acontece porque, às vezes, só precisamos explicar as coisas para desabafarmos, sem necessidade de procurar ajuda ou conselho. Pelo contrário, pode acontecer termos um problema e que procuremos a ajuda de alguém para que nos dê conselhos ou nos ofereça o seu ponto de vista do problema.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como aprender a ouvir, recomendamos que entre na nossa categoria de Formação.

Escrever comentário sobre Como aprender a ouvir

O que lhe pareceu o artigo?

Como aprender a ouvir
1 de 5
Como aprender a ouvir

Voltar ao topo da página