Como aprender a estar sozinho

Como aprender a estar sozinho

A solidão é um estado necessário pelo qual ninguém nos ensinou a passar. Geralmente, o estar só tem uma conotação negativa na sociedade. Estar sozinho significa não estar rodeado de familiares, amigos ou em casal, significa conhecer-se a si mesmo, gostar de si, se conhecer e se amar. Ainda que se sinta frustrado ou aborrecido, deve aprender a se sentir bem com você mesmo. Quer saber mais? Então, não deixe de ler o seguinte artigo de umComo.com.br. Vamos explicar para você como aprender a estar sozinho porque a solidão é um estado desfrutável. Estar sozinho não é o mesmo que se sentir sozinho. Descubra por quê.

Passos a seguir:
1

Estar sozinho não é o mesmo que se sentir sozinho. Há muitas pessoas que podem passar momentos em solidão, para se conectarem consigo mesmo, para se apreciar, e isso não significa que não têm com quem andar. Sentir-se sozinho é algo mais preocupante, dado que é um sentimento mais profundo daqueles seres que, ainda que estejam em companhia, não podem evitar se sentirem realmente fora do lugar, vazios, frustrados, sozinhos. A solidão é subjetiva. Tendo clara esta diferença, é hora de aprender a estar sozinho durante um tempo.

2

A solidão não é algo negativo ou, pelo menos, deveríamos tentar não a ver assim. Passar um tempo sozinho é um bonito período de aprendizagem do qual podemos tirar coisas muito positivas. Para começar, tente deixar de pensar em que não estar em companhia é algo ruim, deixe de lado esse sofrimento e comece a desfrutar da solidão. Não exija dos outros, exija de si mesmo.

3

Ainda que geralmente o ser humano se caracterize por ser social, é verdade que também somos seres pensantes, reflexivos, criativos e criadores. Para que nos entendamos, o aprender a estar sozinho irá ajudar-nos não só a desfrutar da nossa solidão, como também nos ajudará a poder desfrutar da nossa própria companhia. Seja uma pessoa introvertida ou extrovertida, manter seu próprio espaço de reflexão ajudará você a crescer interiormente.

4

Em que ajuda estar sozinho? É provável que esta pergunta lhe tenha surgido. A resposta é simples. Existem alguns períodos nos quais precisamos de olhar para nós mesmos, pausar a vida, nos conhecer melhor, valorizar-nos, amar-nos e aumentar a nossa autoestima. Como em qualquer relação, devemos atingir a harmonia conosco mesmos, manter com nosso foro interno uma relação saudável, deixando de lado as nossas próprias toxicidades.

Estar sozinho nos ajudará a ser menos dependentes dos outros e mais dependentes das nossas próprias decisões. Estar sozinho irá permitir-nos não depender emocionalmente de alguém, mas sim poder compartilhar as emoções com outra pessoa.

5

Para aprender a estar sozinho devemos saber depender de nós mesmos. No final, você é quem cria sua vida, você é quem a escolhe, para além de ser você o próprio responsável pelos seus atos. Não deve acarretar outras pessoas com seus problemas, com seus sonhos ou ilusões, já que todos eles dependem apenas de você. Mas pode se chegar a compartilhá-los. Pense que alguém que não é feliz consigo mesmo, é pouco provável que o chegue a ser acompanhado.

6

É verdade que, primeiro, é difícil aprender a estar sozinho principalmente para todas aquelas pessoas categorizadas como "dependentes emocionais" que não sabem dar um passo sem aprovação, que pensam que a companhia de outra pessoa lhes revaloriza ou lhes dá mais importância. Mas este é um erro comum, pois isto só nos faz nos esquecer de nós mesmos, do nosso valor próprio.

7

Se quer saber se está preparado para estar sozinho ou sabe estar em solidão deve se perguntar se dedica o tempo necessário a você mesmo. Mantém um diálogo interno de vez em quando? É importante saber se é capaz de ter um momento de reflexão ou, pelo contrário, foge dos problemas e do seu eu para se refugiar em outras atividades (sair, o trabalho, a família...). É importante que determine seu estado de ânimo para saber qual é o ponto de partida para aprender a desfrutar da solidão de vez em quando.

8

Um primeiro passo pode ser ir a um profissional para lhe fazer uma psicanálise de você e dar umas dicas a seguir. Sobretudo, é importante se não sabe enfrentar essa situação, se a solidão dá medo, se não é capaz de enfrentar seus próprios problemas, se foge do seu interior. Veja ou não, este é um problema de autoestima, de medo, que deverá aceitar e enfrentar. Em umComo damos a você alguns conselhos para que possa aumentar a autoestima.

9

Mas ir a um psicólogo não é tudo. Pode começar sua própria terapia evitando ser tão duro e exigente com você mesmo. Para aprender a aceitar-se precisará baixar esse nível de exigência, por isso será importante manter diálogos internos, refletir e passar momentos sozinhos que deem a você o poder de observar sua própria vida a partir de outra perspectiva. A chave consiste em realizar um trabalho de crescimento pessoal, no qual deverá lutar por e para você mesmo.

10

Atreva-se a estar sozinho. É importante que se arrisque, que saia da sua zona de conforto, que seja mais aventureiro e que enfrente os seus próprios medos. Proponha-o como se fosse um desafio, faça uma pequena viagem sozinho, planeje uma viagem sem companhia para aprender a estar consigo e conhecer pessoas novas, saia um dia para um drink em solidão ou almoçar, torne-se independente ou inclusive fique sozinho em casa. Qualquer situação é boa para provar como se sente passando momentos consigo mesmo. Experimente!

11

Autoconhecimento. Como já referimos anteriormente, é imprescindível se explorar, conhecer-se a fundo, pensar, refletir e fazer uma introspecção. Pare um momento e deixe que o mundo continue girando enquanto presta mais atenção a você e às suas necessidades. Ficará como novo.

12

Não é fácil estar sozinho, ainda mais quando sua vida está repleta de atividades, de pessoas que vão e vêm. Mas é imprescindível aprender a escutar-se a si mesmo, a se conhecer melhor e a determinar uma parte de seu tempo para estar com você mesmo. Crescerá a nível pessoal, verá a vida com perspectiva e saberá relacionar-se muito melhor, do que está esperando?

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como aprender a estar sozinho, recomendamos que entre na nossa categoria de Relações Familiares.